Bem-vindo ao Percy Jackson - Olympus RPG!

Missão Narrativa - Haruka Kuroyuri -

Ir em baixo

Missão Narrativa - Haruka Kuroyuri -

Mensagem por Nemie em Sex Set 07, 2012 12:49 pm

Já era noite, não era hora de passear pela floresta, ainda mais sendo novato. Burrice ou coragem? A qualquer momento o filho de Hécate poderia se deparar com monstros. Ele provavelmente não sabia do perigo que estava a correr. Apenas continuava seguindo a trilha que achara interessante, e não sabia onde ela iria levá-lo. Haruka continuava curioso. Por que havia um caminho traçado na floresta?
Os passos continuavam sempre do mesmo ritmo. Porém, o coração não. Este começara a acelerar ao perceber que estava sendo seguido. Quem era? O que iria fazer se fosse alguma criatura perigosa? Estava acompanhado apenas de sua corrente, e não era experiente em lutas. Que a sorte estivesse ao seu lado.


Spoiler:
- A única arma que você tem consigo é a corrente
- Diga quem estava atrás de voce. Seja criativo!
- Lute no mínimo contra dois monstros
- Mínimo de 850 palavras
- Siga até o final da trilha, diga o que lá encontrou
- Descreva o caminho que estava a seguir
- Sem erros ortográficos
- Tem dois dias para postar a missão



♣️ Nêmesis, a personificação da vingança e a deusa da justiça divina.
avatar
Nemie
Deuses
Deuses

Mensagens : 100
Pontos : 150
Data de inscrição : 11/09/2011

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100000000000000/1000000000000  (100000000000000/1000000000000)
Energia:
1000000000000/1000000000000  (1000000000000/1000000000000)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão Narrativa - Haruka Kuroyuri -

Mensagem por Haruka Kuroyuri em Sex Set 07, 2012 2:46 pm

Monsters hide in the tree
14 ● Haruka ● Current User ● Kuroyuri

Já fazia alguns dias que Haruka tinha chegado no acampamento meio-sangue, suas habilidades com correntes haviam progredido, mas mesmo assim o garoto continuava ainda nos treinamentos básicos com aquela arma. A mesma estava enrolada em seu braço direito, as mãos nos seus respectivos bolsos, e o som de seus passos era a única coisa que se ouvia naquela floresta escura.
O filho de Hécate desde que saiu do seu respectivo chalé, sentia que estava sendo seguido. De vez em quanto dava rápidas olhadas para trás, mas sempre que olhava via apenas árvores e escuridão mais adiante. O seu único companheiro era o seu Dimon, que agora estava na forma de um mini leão, sua juba alaranjada reluzia mesmo na escuridão da noite e consequentemente era a única fonte de luz que Haruka tinha naquele momento.
- Lyon... Você ainda sente que estamos sendo observados? – Falou.
Lyon, o Dimon de Haruka assentiu.
Atrás de semideus e animal, um som ecoou, Haruka deslizou a corrente pelo seu braço, até ela estar totalmente livre. O garoto olhou ao redor, nada parecia estar lá, mas os passos iam ficando mais altos a cada segundo. O Dimon do filho de Hécate rapidamente virou-se e pulou, abocanhando algo que parecia ser uma foca/cachorro/ornitorrinco. A criatura segurava uma espada e gritou de dor quando sentiu a mordida de Lyon. Haruka podia fazer as correntes se moverem a partir de seu pensamento e assim fez, imaginou a corrente se enrolando no pé da criatura e assim aconteceu, enquanto o monstro ainda estava tentando se livrar do mini leão de Haruka, o mesmo teve seu pé agarrado pela corrente de Haruka. O garoto enroscou a corrente em sua mão e seu pulso, dando duas ou três voltas, a parte que estava enrolada no pé da criatura se ascendeu num fogo púrpura, Haruka esperava que aquela chama queimasse a pata da criatura. Lyon desprendeu suas dentes afiados do braço do monstro, Haruka agitou sua corrente, fazendo ela joga a criatura mitológica para o alto, e enquanto ela voltava, Haruka imaginou a corrente flamejante se enrolando no pescoço do foca/cachorro/ornitorrinco.
O filho de Hécate puxou sua corrente para baixo, fazendo a cabeça da criatura ir de encontro ao solo duro da floresta, os últimos ruídos da criatura foram de um choro de cachorro, depois disso ela virou pó.
- Essa... Não foi tão difícil...- falou, um tanto desapontado.
Haruka enrolou a corrente em seu braço novamente depois que o fogo púrpura apagou, pôs as mãos nos respectivos bolsos novamente e continuou andando, seguindo aquela trilha misteriosa que tanto atraia sua atenção.
Mesmo depois de ter derrotado o seu suposto perseguidor, a sensação de ser observado, de ser perseguido não saia da mente de Haruka, mas se o outro perseguidor fosse tão fraco quanto o último ele não teria problemas. Ou teria aquilo sido só sorte? Bem, Haruka deixaria para descobrir isso depois. A noite estava ficando fria e aquele Jeans cinzento e surrado e a sua blusa preta folgada não adiantaria nada ali.
Lyon parou de andar, empinando o seu nariz para o final da trilha.
- Lyon, oqu.. – O Dimon do garoto começou a correr para o final da trilha.- EI!
Haruka começou a correr atrás de seu mini leão.

No final da trilha, estava posta uma mesa de pedra e uma semideusa estava acorrentada a ela. Duas dracaenae riam frente a mesa, fazendo cortes no corpo da jovem com uma pequena faca ornamentada com detalhes em ouro.
Haruka agachou-se para não ser percebido e se escondeu atrás de um arbusto, rapidamente montou um plano. Haruka tinha a aparência de quem não é muito estudioso e sabe pouco, mas ao contrário dos estereótipos, ele era bem esperto quando se tratava de emboscadas ou planos de ataques, no seu colégio ele era o primeiro do ranking no clube de xadrez.
Na mente do garoto tudo agia assim.

Haruka – Torre branca
Dracaena um – Cavaleiro preto
Dracaenae dois – Cavaleiro preto
Semideusa – Rei branco
Lyon – Bispo branco

Eu sei que para você isso não parece ter sentido, mas na mente dele todas as coisas vivas tem qualidades, e ele associava essas qualidades com as peças de xadrez. Haruka era uma torre graças a sua corrente, que proporciona o garoto a defesa quase todo ataque direto, a torre é forte para resistir a tudo. Lyon para Haruka era um bispo, pois a velocidade de seu Dimon é igual a velocidade que o bispo usa, se movimentando na diagonal. As dracaenae eram cavaleiros, pois provavelmente possuíam habilidades com lâminas bem avançadas. E por fim, a semideusa desmaiada sobre a mesa de pedra representava o rei, indefeso, só anda uma casa por vez em qualquer direção e se deixar a guarda baixa o xeque-mate é o único destino.
Haruak imaginou sua corrente se rastejando lentamente pelo solo daquela clareira em que se encontravam. A medida que ia imaginando, a corrente reproduzia os movimentos do seu pensamento, até chegar em uma das duas caudas de uma das dracaenae. A corrente se enroscou e apertou aquela região, apertou tão forte que a cauda da dracaena foi arrancada.
Haruka recolheu sua corrente com o pensamento, revelando-se de atrás do arbusto e partindo para o ataque direto. A dracaena que esta com as suas duas caudas inteiras sacou sua espada e partiu para cima do garoto, tentando desferir-lhe um golpe horizontal que teria pegado no pescoço de Haruka se ele não tivesse esticado sua corrente, impedindo que o ataque continuasse. Haruka afastou-se e lançou sua corrente em direção a dracaena. Ela ingenuamente segurou a corrente e puxou-a, assim que ela fez tal movimento, a parte da corrente que ela estava segurando se incendiou num fogo púrpuro. Haruka esticou seu braço pronto para fazer a corrente se enrolar no pescoço da dracaena que assoprava a mão freneticamente.

Uma lâmina passou na frente de Haruka, mal sabia o garoto que a mesma havia cortado seu braço profundamente, só percebeu quando jogou o braço para trás para lançar a corrente e acabar com a dracaenae com a mão chamuscada. Um choque. Tudo que Haruka sentiu na hora foi um choque, gritou de dor e se ajoelhou, pressionando o enorme ferimento, a hemorragia era grande, felizmente semideuses tinham quase 2 galões de sangue, pelo menos era isso que ele ficava se repetindo.
- LYON!- Gritou.
O Dimon de Haruka pulou encima da Dracaena que o garoto pretendia acertar. Quase não deu para ver, um clarão laranja surgiu encima da dracaena atordoada com a queimadura, e logo muito sangue jorrou de seu pescoço.
- LYON! AGORA A... ARGH! A OUTRA!- Lyon olhou para Haruka assentindo.
O mini leão tomou a forma de um leão adulto, a mesma juba brilhava ainda mais, parecia que estava pegando fogo. Lyon avançou contra a dracaena que estava se contorcendo de dor por causa da cauda arrancada, o leão que havia se materializado a pouco a silenciou com uma forte patada que arrancou a cabeça da mulher cobra.
Haruka com muito esforço, recolheu sua corrente e fez as correntes que estavam amarrando a garota a mesa de medra se quebrarem. Haruka pôs a menina nas costas de seu Dimon, então se dirigiram para a enfermaria o mais rápido possível, eles não queriam enfrentar outros monstros como aqueles.




●1.026 WORDS●


Código:

Armas:
►Corrente Negra (Corrente bastante resistente e que pode esticar-se a qualquer tamanho. Também pode ser revestida por um fogo púrpuro)

Poderes:
►Dimon -- O Dimon é a personificação da alma de seu dono, no caso os filhos de Hécate, os Dimons tem forma animal ainda não definida, enquanto jovem(período de 1 semana depois da reclamação) ele pode se transformar em qualquer animal que ele quiser, mais quando o adultos eles ficam com uma forma fixa. Tem uma HP específica, que tomaria conta da energia do filho de Hécate. Quando a HP chegar ao fim, o filho de Hécate não pode mais usar energia, como se ela tivesse acabado. E depois de um descanso de duas ou três horas, ela recarregaria novamente, pronta pra ser usada. E quando esgotado, o espírito some, só voltando quando estiver completamente descansado dentro do semideus.
[FORMA DO DIMON: Mini-leão / Leão adulto || Juba bastante brilhante
NOME: Lyon.]

►Maestria com correntes -- Mesmo que nunca tenha usado uma corrente para combate, você saberá manusear uma como ninguém. É capaz de fazer boas manobras com essa, e ela pode se movimentar a partir do seu pensamento. Em níveis mais avançados poderá encantá-la, banhando-a no gelo, fogo ou afins.
avatar
Haruka Kuroyuri

Mensagens : 27
Pontos : 59
Data de inscrição : 02/09/2012
Idade : 20
Localização : Keep looking foward, maybe you found THE SLENDER MAN !!!

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
130/130  (130/130)
Energia:
130/130  (130/130)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão Narrativa - Haruka Kuroyuri -

Mensagem por Nemie em Sex Set 07, 2012 3:34 pm

Avaliado: 1 nível e 10 dracmas

Obs: Poderia ter desenvolvido melhor as lutas



♣️ Nêmesis, a personificação da vingança e a deusa da justiça divina.
avatar
Nemie
Deuses
Deuses

Mensagens : 100
Pontos : 150
Data de inscrição : 11/09/2011

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100000000000000/1000000000000  (100000000000000/1000000000000)
Energia:
1000000000000/1000000000000  (1000000000000/1000000000000)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Missão Narrativa - Haruka Kuroyuri -

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum