Bem-vindo ao Percy Jackson - Olympus RPG!

Chalé dos filhos de Perséfone.

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Perséfone em Dom Abr 24, 2011 10:28 am

Relembrando a primeira mensagem :


O Chalé de Perséfone, denunciava o humor e as características da Deusa, negro com detalhes em vermelho, e fora dele, havia uma enorme quantidade de rosas negras, desde as mais inofensivas, até as mais ameaçadoras. A Porta era negra com um desenho típico, de uma rosa vermelha, um caminho florido levava até a porta, talvez aquele fosse o único local, exceto o Jardim de Perséfone, em que florescia no submundo. O Chalé tinha como marca duas estações, a que Perséfone estava presente no inferno junto ao seu marido, e aquela em que está junto de Seus pais no Olimpo. Quando a Deusa se encontra no Olimpo, as rosas negras que enfeitam a entrada de seu chalé mudam de tom de cor, tornando-se um vermelho vivido como sangue, e as mais diversas flores nascem, demonstrando a estação da Primavera na superfície e a personalidade da Deusa que, no Olimpo, é dócil e frágil.

Bem sabia sobre a chegada de meus filhos tais como os do meu marido ao submundo, afinal eles existiam, e como os demais Semi-Deuses, deveriam receber um treinamento intensivo para que pudessem defender a si mesmos, e se tornassem fortes o suficiente para quando seus prestes fossem necessários. O Chalé estava pronto, e a época exigia que eu permanecesse ali no submundo pois na superfície era inverno, época em que Despina, minha irmã se revelava destruindo tudo que eu e minha mãe tanto amávamos, a primavera e as flores. Por fim, decidi me dirigir até o chalé, e ao chegar ao mesmo assentei-me sobre uma cama que como todas as outras ali tinha uma escrivaninha bem ao lado, Debrucei-me sobre essas e lhes escrevi o seguinte bilhete, que ao ser aberto se dizimava em chamas e dava espaço a minha voz, que lhes dizia:

"Caros filhos e filhas, embora vocês não me conheçam senão pelos relatos, mitos e lendas eu vos tenho acompanhado sempre, acho que de certa forma sabiam que eu estava sempre junto a vocês,tentava sempre ajuda-los com respostas quando estavam confusos, ou até mesmo em situações difíceis onde procurei fiz o máximo que podia. Com certeza como Semi-Deuses a vida de vocês não foi fácil, e daqui para frente também não será, afinal morar no submundo não deve ter sido o que esperavam para a vida de vocês, espero que estejam prontos para embarcarem nessa aventura onde será cobrado o máximo de cada um de vocês. Bom, eu não sou tão má nem tão pouco boazinha, portanto se estiverem prestes a morrer não contem com uma intercessão minha. Ajam por si mesmos. Sejam bem vindos ao submundo crianças. "

Uma breve gargalhada iria ressoar no fim do Bilhete como determinado por mim, assim que terminei de escrever levantei e caminhei em direção a porta, quando já estava diante dela desapareci deixando o chalé.
avatar
Perséfone
Deuses
Deuses

Mensagens : 375
Pontos : 444
Data de inscrição : 18/04/2011
Idade : 25
Localização : Submundo

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100000000000000/100000000000000  (100000000000000/100000000000000)
Energia:
100000000000000/100000000000000  (100000000000000/100000000000000)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Erak Stark em Sab Jun 04, 2011 11:57 pm

♣♣♣



    Por ser um bom observador, eu estudava meus inimigos antes de qualquer ataque, seus movimentos indicavam como iriam investir. Minha espada estava ao lado da cama, ainda na bainha, podia simplesmente desembainhá-la e parar quem quer que fosse que vinha em minha direção. Mas espera ai, eu estava em casa não é mesmo? Não haveria perigo, não é? Fiquei estatico até me sentir seguro para me virar e encarar a garota. Não podia negar, ela era bela, como todas as outras garotas que ocupavam o chalé. Ótimo tinham reparado em mim, isso aconteceria mais cedo ou mais tarde.

    Tentei parecer simpático, coisa que eu não conseguia ser por muito tempo e apertei sua mão firmemente, abrindo um meio sorriso, com a confusão da menina.

    Olá, Annabelle. eu sou Matthew, é um prazer conhecê-la, irmã. Voce vai ter que me desculpar, mas tenho um compromisso, ate alguma hora. ▬ Disse, soltando sua mão, pegando um livro e saindo do chalé..

.

♣♣♣


Última edição por Matthew Stokes em Sab Jun 11, 2011 2:52 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Erak Stark

Mensagens : 31
Pontos : 14
Data de inscrição : 15/04/2011
Idade : 27

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Annelise S. Ryan em Seg Jun 06, 2011 6:43 pm

Entro no chalé de Perséfone, observo alguns de meus irmãos conversando ou fazendo suas atividades rotineiras, aceno com a cabeça para eles em um modo de dizer ''Olá'' mas resolvo não me envolver.
Me dirijo para minha cama e me sento, observo em volta pequenos detalhes aleatórios no Chalé enquanto mexo inquietamente no meu colar de pena de pavão.



Annelise Sweet Ryan
Irmã de Jane S. Ryan
♥️ Namorada de Michael Yew ♥️
Filha de Perséfone
Devota de Hera


avatar
Annelise S. Ryan

Mensagens : 196
Pontos : 180
Data de inscrição : 12/04/2011
Idade : 22
Localização : Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Carolinne Valentinne em Sex Jun 10, 2011 5:27 pm

Entrei no chalé de Perséfone feliz, mal havia chegado e já havia sido reclamada. Direcionei-me a uma cama vazia e encontrei um papel delicado sobre ela. Percebi tempos depois que era uma carta, abri-a devagar e surpreendi-me ao vez a carta de desfazer em chamas e a voz calma de minha mãe invadir meus ouvidos. Era tão delicada a forma como ela falava, que tinha a impressão de que estava sonhando, e quase podia vê-la na minhas frente. Um leve risada ecoou quando ela terminou de falar, e eu sorri. arrumei minhas coisas e sentei-me em minha cama. Peguei meu iPad, coloquei os fones de ouvido, e deixei no aleatório. Peguei um livro qualquer e comecei a lê-lo, deixando que o tempo passasse.
avatar
Carolinne Valentinne

Mensagens : 61
Pontos : 52
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Submundo / Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Alexia Sinclair em Sab Jun 11, 2011 11:57 am




Depois de um tuor pelo submundo e de ter me perdido umas duas vezes, e acredite não é nada legal se perder no submundo, consegui encontrar o chalé de minha mãe, Perséfone. Havia escutado rumores que novos irmãos haviam chegado e eu ainda não os conhecia. Isso fez apenas que eu apressasse meu passo para chegar logo a frente da porta. Porém ao por a mão na porta hesitei em abri-la, respirei fundo e empurrei a porta, adentrei o local devagar, sem querer chamar muito a atenção. Assim que eu entrei fechei a porta novamente e passei a mão no cabelo só para ajeitá-lo um pouco. Então me virei e olhei ao redor. Com certeza algumas carinhas novas.

Caminhei até a minha cama e me joguei nela, como falar com irmãos que nunca havia visto na vida e só vim a encontrar no lugar onde era meu novo lar? Sentei na cama e olhei para cada um até encontrar uma garota com um livro na mão. Ela parecia concentrada, mas a minha curiosidade havia falado mais alto. Me levantei e me aproximei da cama de minha irmã, fazendo um psiu baixo para chamar a atenção dela. Ergui minha mão em um cumprimento e sorri.

-Oi, sou Alexia - me apresentei e depois olhei para o livro dela - Qual livro está lendo?


avatar
Alexia Sinclair

Mensagens : 141
Pontos : 163
Data de inscrição : 25/04/2011
Idade : 26

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
200/200  (200/200)
Energia:
200/200  (200/200)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Carolinne Valentinne em Sab Jun 11, 2011 12:18 pm

Eu ainda lia meu livro atentamente, enquanto alguns de meus irmãos conversavam animadamente. A porta se abriu e entrou mais uma filha de Perséfone, esta se jogou em sua cama e parecia que já era veterana. Continuei lendo meu livro e escutando minhas músicas quando ela se aproximou de mim, e estendeu a mão. Apertei-a e sorri, tentando parecer amigável.

- Oi, Alexia. Meu nome é Carolinne. O Apanhador no Campo de Centeio, você já leu?



Carolinne Valentinne
___________________________________________ " Filha de Perséfone, Multipolar q "




avatar
Carolinne Valentinne

Mensagens : 61
Pontos : 52
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Submundo / Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Alexia Sinclair em Sab Jun 11, 2011 12:27 pm

♠♠♠

♠♠♠

Quando ela apartou minha mão não pude evitar um sorriso. Além da Jane, nossa líder de chalé, Carol era a segunda irmã que eu falava diretamente. Apertei a mão dela e sentei na cama em um espaço vazio que não fosse incomoda-la, cruzei as pernas e olhei para a capa do livro. Dando de ombros suspirei de leve voltando a olhar minha irmã.

-Não sou muito fã de ler livro... as letras se confundem, se me entende... Mas fico encantada com as histórias que contam sobre os livros. Este O Apanhador no Campo de Centeio fala sobre o que?


avatar
Alexia Sinclair

Mensagens : 141
Pontos : 163
Data de inscrição : 25/04/2011
Idade : 26

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
200/200  (200/200)
Energia:
200/200  (200/200)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Carolinne Valentinne em Sab Jun 11, 2011 12:44 pm

Sorri ao ouvir suas palavras. Entendia bem, mas aquele era um dos únicos livros que eu me esforçava para ler, porque meu pai lia para mim, todos os dias antes que eu fosse dormir até eu completar doze anos. A história era encantadora.

- Não sou muito boa em explicar coisas sabe? - sorri - Vou ler um trecho para você: "Seja como for, fico imaginando uma porção de garotinhos brincando de alguma coisa num baita campo de centeio e tudo. Milhares de ga-garotinhos, e ninguém por perto - quer dizer, ninguém grande - a não ser eu. E eu fico na be-beirada de um precipício maluco. Sabe o que eu tenho de fazer? Tenho que apanhar todo mundo que vai cair no abismo. Quer di-duzer, se um deles começar a correr sem olhar aonde está indo, eu tenho que aparecer em algum canto e a-apanhar o garoto. Só isso que eu ia fazer o dia todo. Ia ser só o apanhador no campo de cen-centeio e tudo. Sei que é maluquice, mas é a única coisa que eu que-queria fa-fazer. Se-sei que é maluquice."

Era difícil ler bem, então gaguejei em algumas partes, mas ainda assim li.



Carolinne Valentinne
___________________________________________ " Filha de Perséfone, Multipolar q "




avatar
Carolinne Valentinne

Mensagens : 61
Pontos : 52
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Submundo / Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Jane S. Ryan em Sab Jun 11, 2011 1:31 pm

Volto ao chalé em um tanto cansada, apesar do dia estar um tédio seria uma boa para dormir, pois não se tinha nada pra fazer, nem no acampamento e nem em lugar nenhum, pensei que talvez pode ter algum irmão ou irmã acordada nesse dia tão tedioso, ou se não tivesse eu iria dormir, entro pela porta do chalé, da qual estava meio aberta e vejo Carol e Ale que estavam conversando sobre algo, logo escuto que Ale não gostava de ler e me introso na conversa também - Ai, eu também não gosto de ler não, só leio quando é obrigada. -começo a rir de mim mesma, sim eu não estava normal naquele dia. Logo na maior cara de pau ao ver a reação delas ao me verem me introsando na conversa -Oi manas, tudo bem? -abro um longo sorriso me deitando na cama de cabeça pra baixo, eu não tinha essa mania mas o tédio me levou a isso.


Jane Sweet Ryan

Filha de Perséfone Mentalista de Psiquê Gêmea da Chris. ♥️ @thanks
avatar
Jane S. Ryan
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 243
Pontos : 318
Data de inscrição : 09/04/2011
Idade : 23
Localização : Andalasia. *U* -QNN

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
250/250  (250/250)
Energia:
250/250  (250/250)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Alexia Sinclair em Sab Jun 11, 2011 2:53 pm

♠♠♠

♠♠♠

Vejo Jane chegando no chalé e logo sorrio, a nossa líder de havia chegado. Aceno para ela levemente e quando Linne começa a ler, minha atenção vai toda para ela. Prestei atenção em cada palavra, no timbre que minha irmã usava e quase não notei as partes que ela gaguejava. Senti até um pouco de inveja, pois se fosse eu lendo, seria um verdadeiro desastre. Sorrindo para ela assim que ela acaba já ia dizer um elogio quando Jane comenta algo que me fez rir.

-Acho que eu e você não nos damos muito bem em literatura não é mana? - digo para Jane e depois olho para Carolinne sorrindo orgulhosa - Você ler muito bem, apesar de nossas dificuldade, ler muito bem! E a história parece bem legal.

Volto a olhar para Jane que agora estava de cabeça para baixo na cama. O que o tédio não fazia com as pessoas. Pego um travesseiro e jogo na Jane rindo, fizera isso apenas por brincadeira.


avatar
Alexia Sinclair

Mensagens : 141
Pontos : 163
Data de inscrição : 25/04/2011
Idade : 26

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
200/200  (200/200)
Energia:
200/200  (200/200)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Edward Blackyard em Sab Jun 11, 2011 3:03 pm

Não é todo dia que você pode descer até o submundo, dar uma voltinha e ir para casa. Bom, no meu caso eu podia fazer isso sempre, mas minhas casa de verdade era ali mesmo. Eu nunca tinha ido até o chalé de Perséfone e estava meio apreensivo com isso. Até agora eu só tinha tido contato com um semideus, mas eu não podia deixar minha família de lado. Depois de perguntar para um fantasminha camarada, foi fácil achar o chalé de minha mãe. A grnade construção negra e vermelha com rosas só podia ser feita pela própria Perséfone. Alcancei a porta que tinha uma rosa vermelha desenhada e dei duas rápidas batidas nela. Abri a porta meio nervoso e olhei para o local. Deitadas nas camas e conversando, estavam três garotas. "Minhas irmãs", pensei. Ao que parecia, eu estava interrompendo uma conversa, o que não ajudou muito em minha timidez.

- Ahn... Me desculpe se estou atrapalhando vocês...


avatar
Edward Blackyard

Mensagens : 130
Pontos : 116
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Mundo Inferior | Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
120/120  (120/120)
Energia:
120/120  (120/120)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Jane S. Ryan em Sab Jun 11, 2011 3:50 pm

Alexia fora a primeira a me receber quando eu entrei no chalé, a mesma escutava a leitura que minha outra irmã, Carol, fazia, me senti meio culpada de chegar assim do nada e interromper a leitura que ela fizera, mas para minha sorte ela acabara de acabar quando eu comecei a falar, assim me fazia sentir bem melhor, de cabeça pra baixo em minha cama, escuto o que minha mana Alexia haveria dito -Pois é, ler é uma coisa boa, mas eu não gosto muito. -disse sorrindo, eu nem me atrevia em pegar ao para ler, se não ficaria um bom tempo na mesma página, tá isso não é verdade, mas eu demoraria um bom tempo para terminá-lo.

Logo um menino entra no chalé, devia ser um novo irmão, eu tinha tantos, mais um não faria diferença, ou faria, não sei direito, mas pela timidez do garoto, ele parecia ser legal, e como todas, teria puxado a beleza da mãe. Sorrio ao ver o garoto e saio da posição, de cabeça pra baixo. -Você não está atrapalhando, e seja bem vindo no chalé!-sorrio dando-lhe as boas vindas por ser nosso novo irmão, e ser a primeira vez que ele entra no chalé, e logo me volta na posição de tédio, de cabeça para baixo, pois é, o que o tédio não fazia com uma pessoa como eu.


Jane Sweet Ryan

Filha de Perséfone Mentalista de Psiquê Gêmea da Chris. ♥️ @thanks
avatar
Jane S. Ryan
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 243
Pontos : 318
Data de inscrição : 09/04/2011
Idade : 23
Localização : Andalasia. *U* -QNN

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
250/250  (250/250)
Energia:
250/250  (250/250)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Alexia Sinclair em Sab Jun 11, 2011 3:58 pm

♠♠♠

♠♠♠

Havia escutado a porta se abrindo e logo me virei esperando por algum irmão meu. E como estava certa, este era alta, loiro e bonito, como todos nós éramos bonitos. Sorrindo para ele me levantei e me aproximei dele, logo erguendo minha mão mantendo um sorriso simpático, era a primeira vez dele aqui e acho que todos nós ali sabiamos como era ser um novato.

-Oi, sou Alexia e como a mana Jane já disse, não esta atrapalhando. Aliás, bem vindo ao chalé de Perséfone, escolha uma cama vazia para você e depois venha conversa se quiser.

Volto para a cama onde estava Linne, tendo um flashback na minha mente de como foi a minha primeira vez ali, com tantas novidades, tanta confusão... Apenas para descobrir um tempo depois que essa confusão nunca tinha fim, que fazia tão parte de mim quanto a de qualquer um ali, ou melhor, tanto quanto a de qualquer semi-deus.


avatar
Alexia Sinclair

Mensagens : 141
Pontos : 163
Data de inscrição : 25/04/2011
Idade : 26

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
200/200  (200/200)
Energia:
200/200  (200/200)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Edward Blackyard em Sab Jun 11, 2011 4:14 pm

Não pude deixar de notar que minhas irmãs eram bonitas, muito bonitas. Aperto a mão de uma delas que se levanta em minha direção e me deu as boas vindas, assim como a outra que estava deitada de cabeça para baixo. Ri baixinho e deixei minhas coisas nos pés da cama e sentei-me no colchão. Elas pareciam bem legal e não aquelas garotas punk e invocadas que eu imaginei que seriam. Bom, pelo menos isso me aliviou um pouco. Relaxei o ombro e sorri para elas:

- Posso saber o nome das minhas irmãs bonitonas?


Aabri minha mochila e tirei um pacote de Ruffles. Abri-o e comecei a mordiscar a batata. O submundo cansa, sabia?
- Servidas?


avatar
Edward Blackyard

Mensagens : 130
Pontos : 116
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Mundo Inferior | Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
120/120  (120/120)
Energia:
120/120  (120/120)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Jane S. Ryan em Sab Jun 11, 2011 4:44 pm

A posição já estava fazendo com que minha cabeça doesse, então eu me levantei e me sentei comportadamente olhando o chalé a minha volta e me volto para meu novo irmão que teria chegado já fazia pouco tempo. -Meu nome é Jane. -ao dizer isso vejo que ele abre um pacote de Ruffles aquilo era irresistível e não achei outra opção a não ser aceitar, a para a minha felicidade ele havia oferecido. -Eu quero. - digo sorrindo olhando para o pacote, "Somos irmãos não é? E irmãos tem que dividir as coisas com os irmãos", pensei, e logo ao pensar isso dou leves risadinhas do que eu tinha pensado, eu sou louca mesmo, e admitia isso.


Jane Sweet Ryan

Filha de Perséfone Mentalista de Psiquê Gêmea da Chris. ♥️ @thanks
avatar
Jane S. Ryan
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 243
Pontos : 318
Data de inscrição : 09/04/2011
Idade : 23
Localização : Andalasia. *U* -QNN

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
250/250  (250/250)
Energia:
250/250  (250/250)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Edward Blackyard em Sab Jun 11, 2011 5:07 pm

Me jogo na cama, ficando deitado de barriga pra cima, mas meu rosto voltado para minhas irmãs. Estendi o pacote de Ruffles par elas e sorri:

- Então minha irmã bonitona se chama Jane... Prazer, sou Edward.


Continuei deitado, olhando para elas. Foi aí que caiu a ficha que eu tinha andado muito no submundo e certas partes de meu corpo não deviam estar cheirando bem. Me levantei depressa e sorri sem jeito.

- Ahn, meninas... Onde fica o banheiro?


avatar
Edward Blackyard

Mensagens : 130
Pontos : 116
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Mundo Inferior | Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
120/120  (120/120)
Energia:
120/120  (120/120)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Jane S. Ryan em Sab Jun 11, 2011 5:16 pm

Ui, ele havia me chamado de bonitona, mas não podia descordar que era mesmo, puxar a beleza da mãe, todos nós tínhamos puxa. Logo ele fica agitado parecia se preocupar bastante com a vaidade, começo a rir e aponto para uma porta do lado direito -O banheiro é por ali! -digo ainda rindo, enquanto ele vai no banheiro fico pensando na minha vida, se eu estava fazendo a coisa certa, sobre o que nem eu mesma sabia, pensei se estava sendo feliz naqueles meses no acampamento.


Jane Sweet Ryan

Filha de Perséfone Mentalista de Psiquê Gêmea da Chris. ♥️ @thanks
avatar
Jane S. Ryan
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 243
Pontos : 318
Data de inscrição : 09/04/2011
Idade : 23
Localização : Andalasia. *U* -QNN

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
250/250  (250/250)
Energia:
250/250  (250/250)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Luana Dashwood em Sab Jun 11, 2011 8:03 pm

Possuia um leve presentimento de que o chalé não sobreviveria muito tempo sem as minhas loucuras.Depois de demasiado tempo fazendo missões constantemente,como será que ele estava? É bem provável que mais um meio-parente desconhecido estivesse no Submundo sendo recebido pelas minhas irmãs,em sua maioria.Assim que avistei o único local onde me sentia bem no mundo inferior,adentrei ao mesmo feito um furação. Era um fato notável de que era hiperativa ao extremo. Após deixar minha mochila em cima da cama que possuia meus pertences, focalizei uma pessoa nova por ali e caminhei até a loirinha que estava lendo um livro ao lado de Jane.
-Hey, maninhas. Que saudades de vocês! - um sorriso se formou em minha face ao perceber o quanto aquele local me fazia bem. -Então, vejo que mais irmãos estão descendo para cá. - Sentei em uma cama vazia que estava próxima a elas e fiquei obervando-as por um tempo até que alguém se manisfetasse pela minha presença.


Luana Dashwood!
Filha de Macária - Deusa da Boa Morte

"Sombras? Hah! Eu controlo a própria escuridão e não apenas sombras!
Diga-me: uma sombra poderia fazer isso?"
- Lasombra

avatar
Luana Dashwood

Mensagens : 211
Pontos : 200
Data de inscrição : 08/05/2011
Idade : 23
Localização : Entre o Céu e o Inferno

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Alexia Sinclair em Sab Jun 11, 2011 10:21 pm

♠♠♠

♠♠♠

O chalé estava movimentado como eu nunca havia visto antes, não havia como ficar triste ou deprimida naquele lugar, não com tantos irmãos presentes. Meu irmão mais novo no pedaço havia retirado um pacote de Ruffles e isso parecia atrair a atenção de Jane, e relaxada como eu estava, havia abaixado a minha guarda e acabei por escutar o pensamento dela sem querer. Balancei a cabeça como que para expulsar os pensamentos dela, não queria invadir a privacidade de minhas irmãs, era algo que eu considerava extremamente errado. Nem tudo na vida eram flores belas, ser mentalista era algo mais do que poderes a mais, era sacrificar algumas coisas. Sorri meio amarelo para meu irmão e apenas neguei a oferta dele, já havia me apresentado antes.

Quando levantei para ir para minha cama a porta abriu novamente e Cassandra entrou no chalé. Foi algo automático ou natural ou impulsivo, não importa, meus lábios se moveram em um sorriso alegre. Afinal era mais uma irmã que se reunia no chalé. Realmente, aquele lugar nunca esteve tão movimentado. E isso era incrivelmente familiar. Talvez a maioria não tivesse nem tido uma família de verdade antes, mas agora... ao menos naquele momento, era como se esquecesse de todos os problemas anteriores e estivesse realmente em casa.

-Ei mana Cass! - exclamei feliz - Bem vinda à casa! Aliás, só para deixar registrado, definitivamente a nossa mãe tem tendência a produzir mais meninas.


avatar
Alexia Sinclair

Mensagens : 141
Pontos : 163
Data de inscrição : 25/04/2011
Idade : 26

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
200/200  (200/200)
Energia:
200/200  (200/200)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Charlotte Wurn em Sab Jun 11, 2011 10:39 pm

É, já que sou filha de Macária, que é filha de Perséfone e Hades, tenho uma maior facilidade em ir ao submundo. Porém, os meus tios, tem mais ainda. Buhm. Eu estava lá. Meu plano era fingir ser uma filha de Perséfone e entrosar com a galera que eu esperava que lá estaria. Trajava uma camiseta preta com uma rosa lilás(?), uma calça jeans clara e claro, meus all stars vermelhos. Estava com minha bolsa, e dentro dela, minha capa, minha adaga, me IPad e mais algumas coisinhas. Olhei para os lados, procurando algum alguém que poderia estar me espiando. Nada achei. Me virei para a porta do chalé e respirei fundo, de olhos fechados, e então bati na porta do chalé, na esperança de encontrar alguém.

-Aaaaaaaaaaaahm.. Ô de casa?- Me lembrei de Edward, o filho de Perséfone que eu havia conhecido em Nova Iorque. Ele poderia ou não estar ali. Torci para que não, pois assim, manteria meu plano em pé.
avatar
Charlotte Wurn

Mensagens : 101
Pontos : 92
Data de inscrição : 06/06/2011
Idade : 22

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Edward Blackyard em Sab Jun 11, 2011 10:50 pm

Abri minha mochila e tirei uma troca de roupas limpa. Me levantei acenando para elas e fui assoviando até o banheiro. Uma vez lá dentro, tomei um banho super gelado para tirar o cansaço do corpo. Me troquei e sacudi a cabeça, deixando meus cabelos molhados bagunçados. Saí do banheiro assoviando e me joguei de novo em minha cama. Notei, então, que havia mais uma irmã por ali. Caramba, se tantas irmãs bonitonas continuassem entrando eu ia pirar.

- Olá mana, prazer. Eu sou Edward, seu novo irmão.


Voltei a comer Ruffles, podemos dizer que era um pouco viciado. Eu não tinha parado para reparar que minhas irmãs não eram as únicas coisas bonitas ali. O chalé era realmente bonito por dentro. Enquanto eu via os detalhes do chalé, uma nova pessoa entrou. De ínicio pensei que fosse mais uma irmã, quando me dei conta que era...

- Charlotte?!


avatar
Edward Blackyard

Mensagens : 130
Pontos : 116
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Mundo Inferior | Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
120/120  (120/120)
Energia:
120/120  (120/120)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Jane S. Ryan em Sab Jun 11, 2011 11:05 pm

♣♣♣

♣♣♣

Vi que Cass vinha chegando no chalé, me levanto correndo e vou abraçá-la feliz por ela estar ali, sorrio ao vê-la. -Eu também estava com saudades, Cass fofa! -digo mega feliz pela presença daquela pessoa, tá o momento feliz acabou depois que a minha sobrinha Charlotte chegou, ela era meio que minha pirralha, não me levava a sério, porém, eu não ligava para nada mesmo. Logo vejo Alexia fazendo uma cara estranhar, e fico confusa e me perguntava porque ela fazia aquela cara, quando me lembro que ela podia ler mentes, aquilo veio com tudo na minha cabeça, mas eu não havia pensado nada demais, então fiquei tranquila e logo vejo um livro em cima da mesa da qual eu estava próxima, eu o pego só para dar umas folheadas apesar de não gostar de ler mesmo, logo vejo que Ed e Charlotte já se conheciam, ou era o que me parecia. -Já se conhecem? -digo espantada, não dei a mínima para a resposta, aquilo foi passageiro e eu não queria saber a respostas, pois eu sabia muito bem que a resposta seria positiva.


Jane Sweet Ryan

Filha de Perséfone Mentalista de Psiquê Gêmea da Chris. ♥️ @thanks
avatar
Jane S. Ryan
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 243
Pontos : 318
Data de inscrição : 09/04/2011
Idade : 23
Localização : Andalasia. *U* -QNN

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
250/250  (250/250)
Energia:
250/250  (250/250)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Charlotte Wurn em Sab Jun 11, 2011 11:22 pm

Arregalei meus olhos ao ver Edward. É, meu planinho fora por água abaixo. Eu teria de inventar algo de última hora. Plena improvisação. Respirei fundo novamente e sorri para Edward. Fiquei na ponta dos pés, e coloquei minhas mãos no peito de Edward, assim, aproximando meu rosto do dele, concedendo-lhe um beijo na bochecha esquerda. Voltei a minha posição inicial, ainda sorrindo.

-Érm... É, ahm... eusinha mesma.-Sorri para ele, enquanto mexia nos cabelos, assustada.

Finalmente, adentrei o chalé, e fiquei pasma ao ver sua beleza. Pode-se dizer que era belo, tanto quanto o de minha mãe, Macária. Pousei minha bolsa em cima de um sofá, e fui me sentar ao lado de Ed.


At night when the stars light up my room
I sit by myself
Talking to the Moon
Try to get to you
In hopes you're on the other side
Talking to me too
Or am I a fool who sits alone
Talking to the moon?
avatar
Charlotte Wurn

Mensagens : 101
Pontos : 92
Data de inscrição : 06/06/2011
Idade : 22

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Edward Blackyard em Sab Jun 11, 2011 11:38 pm

Continuo surpreso com a presença de Charlotte. Ela entra com naturalidade e me pergunto se é comum semideuses filhos de outros deuses entrarem em outros chalés. Eu não tinha muito experiência com o assunto, então não comentei nada. Devolvo-lhe o beijo bochecha e sorrio para ela quando a mesma senta ao meu lado.

- E então, Charlotte? O que está fazendo andando pelo Mundo Inferior sozinha?


Ofereço a Ruffles para Charlotte enquanto me virava para minhas irmãs. Percebi que nenhuma delas parecia conhecer Charlotte, então eu estava sendo rudo em não aprensetá-la.

- Manas lindonas, essa é Charlotte, filha de Macária. Charlotte, essas são minhas irmãs.



avatar
Edward Blackyard

Mensagens : 130
Pontos : 116
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Mundo Inferior | Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
120/120  (120/120)
Energia:
120/120  (120/120)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Charlotte Wurn em Sab Jun 11, 2011 11:54 pm

Continuei olhando para todo o chalé, encantada com a beleza. Me levantei e fui até minha bolsa, pegando-a. Voltei ao lado de Edward e me sentei novamente, um tanto envergonhada. Pensei em uma desculpa, mesmo que boba, funcionasse. Nada veio em minha mente. Iria ter de falar o que realmente fazia ali.

-Ahm... eu? Ah, eu só estava passeando, mesmo..

Cruzei minhas pernas e balancei minha cabeça negativamente, rejeitando a Ruffles. Me virei para Edward, sorrindo, e então aproximei minha boca ao ouvido esquerdo de Edward, assim, sussurrando-lhe algo.

-Acho melhor eu ir embora..-Após isso, me levantei e beijei a bochecha de Edward, assim, rumando em passos lentos para fora do chalé.


At night when the stars light up my room
I sit by myself
Talking to the Moon
Try to get to you
In hopes you're on the other side
Talking to me too
Or am I a fool who sits alone
Talking to the moon?
avatar
Charlotte Wurn

Mensagens : 101
Pontos : 92
Data de inscrição : 06/06/2011
Idade : 22

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
110/110  (110/110)
Energia:
110/110  (110/110)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Carolinne Valentinne em Dom Jun 12, 2011 9:27 am

A conversa estava realmente animada. Meus irmãos eram demais, com certeza eu já gostava deles mais do que eu já havia gostado de alguém na minha vida. De vez em quando, entravam algumas pessoas no chalé, a última a entrar havia sido Charlotte, filha de Macária - ou seja sobrinha de todos nós. Era bom estar ali com eles, me fez sentir bem. Charlotte estava indo embora, quando voltei a abrir minha boca.

- Lottie, não vai não. Fica mais um pouco.



Carolinne Valentinne
___________________________________________ " Filha de Perséfone, Multipolar q "




avatar
Carolinne Valentinne

Mensagens : 61
Pontos : 52
Data de inscrição : 10/06/2011
Idade : 23
Localização : Submundo / Chalé de Perséfone

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum