Bem-vindo ao Percy Jackson - Olympus RPG!

MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Ir em baixo

MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Hefesto em Ter Set 04, 2012 9:06 pm

Encontre a Agulha no Palheiro!

Tudo parecia um dia como outro qualquer na oficina gigantesca do Deus. Maquinas enormes e braços mecânicos se moviam por toda a parte trabalhando como numa manufatura movendo e organizando outros artefatos de todo tipo de metal e matéria prima que serviria em outra ocasião para construir qualquer outra coisa.
Algo estranhamente saía dos eixos, e depois de uma explosão de pequeno porte, os braços mecânicos começavam a golpear por toda parte de forma desordenada e jogando coisas por todos os lados.
Momentos depois, tudo estava controlado novamente, porem um item recentemente forjado havia desaparecido, e pelos cálculos do Deus, estava agora em algum lugar de São Francisco.
O acampamento meio-sangue fora alertado, uma vez que qualquer coisa vinda da oficida de Hefesto em mãos erradas poderia causar grande catástrofe. As campistas Jane A. Perversie, Bridget A. Perversie e Demetria H. Grimalking foram convocadas por Quiron para descobrir onde o artefato estava, e recuperá-lo o mais rápido possível.

♦ 72 horas para postar
♦ As campistas devem postar desde a sua saída do acampamento com Argos em sua van, até a chegada em São Francisco.
♦ Post sem limites mínimos ou máximos de linhas, porem sem encheção de lingüiça.
♦ Itens, Armas e Habilidades deverão ser postados no fim do post em spoiler.
♦ Boa sorte, e se necessário, consultem via MP ou MSN.


Hefesto
Deus do fogo e das forjas × Preferido da Blair e da Cornellie @thanks
avatar
Hefesto
Deuses
Deuses

Mensagens : 196
Pontos : 272
Data de inscrição : 29/08/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Energia:
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Jane A. Pervensie em Qua Set 05, 2012 12:07 pm


Well, you can tell Jesus... ☠
THE BITCH IS BACK, BABY, AND SHE'S ON HER WAY TO THE PROMISE LAND!

- Pegue as suas armas - Brigdet disse, autoritária assim que abri a porta do chalé - Ah, bom dia para você também adorada irmã, a que deveo o prazer de sua visita? - disse irônica. A filha de Deméter revirou os olhos. - Os sátiros nos mandaram ir para a casa grande, e isso ou significa missão, ou significa que me pegaram na festa do chalé de Dionísio de novo e vou ter que lavar os pratos do acampamento esse mês inteiro... - Foi a minha vez de revirar os olhos. - Espere aí fora - disse já entrando novamente no chalé - Se você esquentar a temperatura do chalé novamente, meus irmãos te matam... E antes que você diga qualquer coisa, eu quero dizer literalmente ok? - Acrescentei à fala enquanto retirava a foice o manto, e o bracelete que virava corrente de debaixo da cama, e tornei a sair do chalé, agora acompanhada por Bree.
-Ele chamou mais alguém além de nós duas? - perguntei, intrigada. A garota olhou-me com seu típico olhar malicioso - Adivinha quem? - ela disse com um sorrisinho no canto dos lábios. Nem precisei pensar muito para responder - Se você está fazendo essa cara, então com certeza deve ser Deme de novo... - nem esperei ela confirmar - Passamos no chalé de Afrodite para buscar ela?
- Não, ela já está nos esperando lá há séculos... Conhecendo-a ela deve estar reclamando de como somos atrasadas sempre - dei uma risadinha e completei - Deve ser por que estamos atrasadas sempre - nós duas rimos, e juntas fomos andando até a casa grande.
Como Bree havia dito, Deme já nos esperava, e com razão, um tanto impacientemente. Ouvi atentamente a explicação de Quíron sobre a missão, e como já estávamos completamente armadas e preparadas para o que viria a seguir, seguimos para aonde Argos nos esperava com sua van. Acho que as duas estavam conversando durante a viagem e talvez tenha sido sobre mim, mas eu, que durante viagens não conseguia manter-me acordada por mais do que 5 minutos, dormi o tempo inteiro.
- Chegamos! - a doce voz de soprano de Demetria me despertou, juntamente com o brusco freio da van - São Francisco... - Bree disse com um sorrisinho.- É... Eu acho que vamos nos divertir bastante aqui... - sorri.

Armas Levadas:
- Foice das Trevas [Feita de ferro puramente estígio nas lâminas, tem em relevo vários, minúsculos crânios de prata em seu cabo/ Tem dois gumes, no mesmo lado. Sendo o maior deles de um metro e o outro de quarenta centímetros/ Durante à noite tem um dano extra de 20 HP, pois uma aura completamente negra, envolve as lâminas/ Inquebrável] {By: Érebus}

• Manto da Escuridão. Um manto negro e que se ajusta perfeitamente ao corpo do portador, possui uma aura sombria própria. Permite ao filho de Érebo ficar três turnos invisível, usado apenas uma vez a cada situação. Esse manto também possui a habilidade de diminuir o dano de golpes, mágicos ou físicos em até 75% apenas duas vezes por missão. Quando essa habilidade é ativada, símbolos vermelhos levemente iluminados aparecem pelo manto.

- Corrente Negra [Feita de ferro estígio com prata, pode alargar na distância que o filho das sombras desejar/ Quando o filho de Érebus quiser, ela ficar coberta de uma aura negra, que ao contato com o oponente o faz queimar/ Quando não está sendo usada se transforma em um bracelete negro, com um topázio azulado no meio/ Inquebrável] {By: Érebus}

cassie wears: Click Here music: blue jeans - lana del rey Click makeup: click here notes: Post ficou curtinho, pq to com preguiça, fica melhor no próximo, prometo ç.ç -q



Jane Alice Callaghan Pervensie
Daughter of Quione• Ice Princess • Sexy Lady • Develicous

avatar
Jane A. Pervensie
Necromantes de Érebus
Necromantes de Érebus

Mensagens : 34
Pontos : 38
Data de inscrição : 01/09/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
420/420  (420/420)
Energia:
420/420  (420/420)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Bridget Adele Pervensie em Qui Set 06, 2012 10:02 am



things are always so,
Já se sentiu a maior Bitch do mundo? Era como eu estava me sentindo hoje. Quer dizer, a um tempo estava nessa coisa parecida com uma depressão que me rondava em pesadelos constantes de um futuro incerto. Estava cansada, cansada de ter que mentir para todos e para mim mesma. Pode parecer meio poético, mas era assim que me sentia por dentro. Eu até andei lendo uns livrinhos - na verdade eram panfletos - sobre depressão. Mas. Não era isso que eu tinha. Se divertir ao extremo em Vegas não estava nos sintomas, então descobri que era culpa. Aquela coisa que você sente quando rouba o lápis do coleguinha ou come o ultimo biscoito do pote. Enfim, Fuck-off pra a culpa. Mas não era hora de pensar naquilo, eu precisava de algo para ocupar minha mente e acho que ter ido almoçar no refeitório não foi uma boa idéia. O refeitório era mesmo um dos lugares que eu mais detestava, já tinha certeza disso. A quantidade absurda de gente que aquele local abrigava me deixava com dor de cabeça. Não pelo barulho, mas pelo fato de a maioria das pessoas que frequentavam aquele lugar eram idiotas. Sim, eu também estava me encaixando nesse perfil de idiota. Não devia ter ido até lá, o arrependimento era tão grande quanto à vontade de ir embora. Suspirei. Observava as outras pessoas na mesa ao lado, principalmente os campistas novatos. Mexia minha colher na comida quando fui surpreendida por um sátiro, que apareceu na minha frente, ofegante a criatura começou a falar dando pequenas pausas.

- Bridget...? Bem, Quíron quer vê-la na casa grande... A propósito, chame Jane também, enquanto comunico Demetria para encontrá-las lá. – Dizendo isso o sátiro saiu do refeitório, as pressas. Terminei de comer e passei no chalé de Démeter, peguei algumas armas e logo em seguida fui em direção ao chalé de Quione, eu não sabia se Quíron iria nos dar uma bronca daquelas ou se estava nos chamando para uma missão, em todo o caso, eu estava preparada. Assim que cheguei em frente ao chalé de Quione bati na porta e falei alto – Jane, eu sei que esta ai, pare de brincar com o seu ”brinquedinho” e venha aqui agora – Soltei uma leve risadinha enquanto a porta se abria e Jane saia lá de dentro - Pegue suas armas - dizendo isso, ouvi Jane falar algo parecido com ” Ah, bom dia para você também adorada irmã, a que devo o prazer de sua visita?” Revirei os olhos e respondi para ela, em um tom normal de voz - Os sátiros nos mandaram ir para a casa grande, e isso ou significa missão, ou significa que me pegaram na festa do chalé de Dionísio de novo e vou ter que lavar os pratos do acampamento esse mês inteiro... – Mordi o lábio enquanto Jane voltava para o chalé e saia logo em seguida, com suas armas em mãos, e lá fomos rumo à casa grande.

Já estávamos nos aproximando da casa grande quando Jane perguntou se Quíron havia chamado mais alguém, naquele momento um sorriso malicioso e perverso formou-se em meus lábios, enquanto as palavras saltavam da minha boca – Adivinha quem – Claro que com isso Jane sacou na hora que se tratava de Demetria. Chegamos à casa grande e lá estava ela, nos esperando. Assim que Quíron adentrou na Casa Grande ele nos passou todas as informações da missão e por fim saímos de lá e caminhamos até o local onde estava a Van de Argos e assim, partimos dali rumo a São Francisco.

Armas Levadas:

- Foice [Seu cabo é médio e se encaixa perfeitamente na mão do dono. Sua lâmina é feita de bronze sagrado, afiadíssima. Quando não está em sua forma de arma, é um anel em forma de serpente] {By: Deméter}

- Relógio-Escudo [Aparenta ser um relógio normal, mas quando ativado se torna um escudo, revestido de espinhos e trepadeiras] {By: Deméter}

-Coroa/Tiara da Magnificência (O semideus que usar essa coroa, por mais fracassado que seje, emitirá um brilho de grandeza que fará o inimigo reconhecer todas as suas qualidades. Se o inimigo for fraco, hesitará em atacar o usuário por 1 turno.)

-Adaga de Bronze Envenenada [Causa 10 dano a mais]

confused and pies for me.


avatar
Bridget Adele Pervensie
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 12
Pontos : 10
Data de inscrição : 02/09/2012
Idade : 23

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
290/290  (290/290)
Energia:
290/290  (290/290)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Melanie S. Holland em Qui Set 06, 2012 12:35 pm

confidence is a must...
Cockiness is a plus, edginess is a rush edges I like them rough


– Oh céus, como estou exausta! – Exclamei exasperada enquanto apressava meus passos pelas ruas de São Francisco. Não era fácil, minha vida não era fácil para ser mais exata. Não tinha muito que fugia de um esconderijo do qual havia ido em busca de respostas. Meu pai não facilitava, em vez de me ajudar, tudo que fazia era surtar e obrigar-me a ir fazer as coisas para ele. Típico, ainda se fossemos mortais iria ser assim. Revirei os olhos com tal pensamento e apressei um pouco os passos, não sabia mais o que procurava, tampouco como iria voltar ao acampamento. Era para encontrar com Beckie, mas não a via voando por lugar nenhum. Iria ter uma conversa séria com a mesma assim que estivéssemos voltando, afinal, não podia deixá-la solta dessa forma, poderia ser perigoso. Não que fossem vê-la, mas monstros, qualquer coisa que pudesse feri-la. Passavam mil e uma cenas em minha cabeça, mil cenas do que poderia estar acontecendo a ela. Mordi o lábio inferior e dei uma volta na praça que havia no centro de São Francisco. Nada, nada. Tudo bem teria que manter a calma, organizar todos os meus pensamentos para não surtar lindamente e tentar matar todos aqueles seres estranhos que me encaravam como se eu fosse uma ET. Será que estava tão mal assim, ou minha aparência nada amigável que chamava a atenção? Essa dúvida me encucava e iria fazer isso por um longo período de tempo, de fato. Dei uma breve volta em meio à praça, olhando panoramicamente o local e tornei a caminhar sem rumo pelas ruas, mesmo que estivesse cansada, não tinha pressa para voltar ao acampamento e caso algo ocorresse, poderia chamar um táxi ou até mesmo mandar uma mensagem de Íris para Quíron, procurando saber onde Beckie se encontrava.

- - - - - - - - - -
marie wears: isso aqui ~ música: sei lá lol (click)
notes: ave, não tinha base, ficou assim e vou de penetra mesmo, rere ~ tagged: Papai, Beckie, Quíron.

Armas Levadas:
• Shield of Honour (Um escudo de bronze sagrado, ouro e adamantium semi-indestrutível. Possuí pequenos rubis em todo o seu contorno. Tem o desenho de um javali em seu centro e quando não está em uso vira um bracelete.)

• Colar do Guerreiro (Em ouro branco, possuí um pequeno pingente em forma de gota vermelha. O mesmo é banhado e feito do sangue dos guerreiros mais vitoriosos que existiram. Ao utilizar o colar, as almas dos guerreiros irão auxiliar o filho de Ares quando este estiver em batalha. Se o mesmo for perdido, depois de dois minutos retorna ao pescoço do/a dono/a.)

• Lança de Guerra (Feita de adamantium e bronze sagrado. Quando não está em uso, vira um grampo de cabelo para as meninas e um relógio para os garotos.)

• Adaga de Bronze Envenenada

• Coroa/Tiara da Magnificência (O semideus que usar essa coroa, por mais fracassado que seje, emitirá um brilho de grandeza que fará o inimigo reconhecer todas as suas qualidades. Se o inimigo for fraco, hesitará em atacar o usuário por 1 turno.)

• Arco de Vento (Disparas flechas de vento)




Princess of War





avatar
Melanie S. Holland
Filhos de Ares
Filhos de Ares

Mensagens : 7
Pontos : 7
Data de inscrição : 05/09/2012
Idade : 21

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
380/380  (380/380)
Energia:
380/380  (380/380)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Demetria H. Grimalking em Qui Set 06, 2012 1:52 pm


I close my eyes and ease my troubled mind

Respirei fundo olhando-me pela última vez no espelho. Aquelas noites em claro não haviam me feito bem, e eu estava terrivelmente horrível, tanto físicamente como emocionalmente. O por que? Nem eu mesma sei. Mas sei que é um modo terrível de se sentir, você se sente tão baixa como se não conseguisse seguir em frente, e o pior é que não sentimos absolutamente nada. Isso tudo pode parecer loucura, insanidade, ou qualquer outra coisa, mas pelo incrível que pareça, era daquele modo que eu estava me sentindo. Precisei dar não só dois ou três, mas sim uma boa e considerável quantidade de suspiros cansados para enfim sair de frente do espelho.
Havia decidido que ia treinar o dia inteiro hoje, mas soube que tinha que mudar completamente meus planos assim que um dos sátiros do acampamento adentrou o chalé dez um pouco... Digamos... Ofegante e cansado, mandando-me ir urgente à casa grande pois Quíron queria falar comigo, Bridget e Jane.

Após terminar de me arrumar e de pegar minhas tão queridas armas, fui caminhando calmamente para a casa grande, sem nem um pouco de pressa, pois sabia que pelo o que conhecia das garotas, elas ainda deviam estar se arrumando, isso é... Se elas já soubessem do chamado. Pedia mentalmente aos deuses que fosse alguma missão, pois já não aguentava mais ficar dentro do acampamento e aquilo já estava começando a me fazer mal.

Depois de um bom tempo de espera na casa grande mais o tempo que adicionamos com a explicação de Quíron sobre a nossa missão depois que as garotas haviam chegado - e haviam me deixado impacientes - fomos finalmente para a van de Argos que nos esperava logo depois da colina e dos limites mágicos, onde era seguro. Não sei por que, mas ao sair dalí me senti tão... Livre. Ri de meus pensamentos idiotas e adentrei a van sem hesitar, e por fim partimos rumo à São Francisco. E que os jogos comecem, Demetria Heatiifily diva das divas Grimalking is back. Cool

Armas Levadas:
♥️ Batom-Espada (Meninas) [Nele há duas tampas. Uma você abre e se transforma em uma espada de ferro e elétrica, que causa um alto dano no inimigo. E na outra tampa contém um batom, a cor pode ser escolhida pela dona] {By: Afrodite}
♥️ Lentes de contato [Com elas é possível ter uma ótima visão no escuro ou noite. Mas também são úteis durante o dia, fazem com que o semideus possa enxergar tudo perfeitamente até dois quilometros de distância] {By: Afrodite}
♥️ Chicote Elétrico [Alcança uma área de vinte metros. Causa 15 de dano a mais. Três pontas]
♥️ Colar do Guerreiro (Colar com um pingente de uma espada, aumenta a sua força em 10%)
♥️ Coroa/Tiara da Magnificência (O semideus que usar essa coroa, por mais fracassado que seje, emitirá um brilho de grandeza que fará o inimigo reconhecer todas as suas qualidades. Se o inimigo for fraco, hesitará em atacar o usuário por 1 turno.)

demetria wears: Click Here music: awful - Nevershoutnever! Click notes: que lixo HUIHWUEHIHWUIEHIUHWIUEHIUWE






Queen of Hearts
♥ Daughter of Aphrodite, follower of the muses, sexy lady, only the Logan ❞
I love you, my princess of world. Allun ♥

avatar
Demetria H. Grimalking
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 15
Pontos : 13
Data de inscrição : 03/09/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
350/350  (350/350)
Energia:
350/350  (350/350)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Hefesto em Qui Set 06, 2012 6:04 pm

Os 3 patetas e bobalhão.


As luzes começaram a ficar baixas e os luminosos a ganhar vida, assim como as luzes das pequenas e grandes lojas da cidade. Argos havia deixado todas de frente a uma praça onde iam e vinham pessoas de todo o tipo, com crianças, idosos, executivos... Um verdadeiro “furduncio” se fazia de idas e vindas daqueles meros mortais desconhecidos, que logo ia se desfazendo deixando apenas alguns esquisitos por ali.
— MOVAM-SE, SEUS IDIOTAS, ENCONTREM OU EU MESMO OS JOGAREI NO TARTARO! – bradou então um homem mais alto que se vestia com roupas disformes, mais parecidas com placas de metal desalinhadas. Parecia pesar em média duzentos quilos, seus dentes saltavam da boca como presas e possuía um único olho no centro da testa.
Seus companheiros não eram diferentes do mesmo e se moviam desorganizadamente a procura de algo. Por um momento, aquele que aparentava ser o líder olhava para os lados e farejava um pouco o ar, e então olhou para as três que desceram da van de Argos. — SEMIDEUSES! DEVEM VALER ALGUMA COISA, CAPITUREM-NAS!
Depois de tais dizeres, nada fez se não tirar uma lança das costas e observar enquanto seus companheiros olhavam para Demetria, Bridget e Jane, e apressavam-se munidos de lanças e martelos grandes.


♦ A ordem em que postarem agora será a ordem definitiva de postagem.
♦ Não há limite de postagem em linhas ou palavras
♦ São três ciclopes caminhando para as três unidas e um que fica para trás (líder)
♦ Marie como estava caminhando pela praça, poderá ouvir os gritos.
♦ Devem postar as armas e habilidades usadas em spoiler.
♦ 48 horas para postar.


Hefesto
Deus do fogo e das forjas × Preferido da Blair e da Cornellie @thanks
avatar
Hefesto
Deuses
Deuses

Mensagens : 196
Pontos : 272
Data de inscrição : 29/08/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Energia:
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Jane A. Pervensie em Sex Set 07, 2012 6:00 pm


Well, you can tell Jesus... ☠
THE BITCH IS BACK, BABY, AND SHE'S ON HER WAY TO THE PROMISE LAND!

Não demorou um minuto depois que havíamos descido da van, até monstros estarem correndo atrás de nós. Monstros idiotas. Denunciavam sua presença com gritos e correria atrás de nós. Não teríamos como não perceber. Nós três tomamos nossas posições de batalha, já havíamos ido em tantas missões e treinos juntas que agíamos com uma sincronia perfeita. Olhei para Demetria, lançando-a um olhar significativo, se ela pudesse atordoá-los com sua beleza, mesmo que por alguns segundos seria tempo suficiente - Não se mexam – Ordenei aos ciclopes. Um comando simples, mas feito em uma voz de sussurro, tão fria que seu efeito imediato nas pessoas seria fazê-las obedecerem, por um segundo que fosse eles não mexeriam um músculo.

Com um único movimento ágil, quatro lanças negras feitas das sombras surgiram no ar, sendo lançadas em plena velocidade em direção aos olhos dos ciclopes. Na melhor das hipóteses, estas iriam atravessar suas cabeças, na pior, ganharíamos tempo e uma distração para perceber sua força, e calcular bem antes do próximo movimento. Qualquer que fossem as opções seguintes ficar afastada não me garantiria nenhuma segurança. Ergui minha foice, partindo para cima das criaturas. Sua lâmina brilhava sinistramente sob a luz da lua, uma aura negra se formando em torno da mesma e revelando sua verdadeira e sombria natureza. Dois movimentos rápidos de corte, utilizando ambos seus gumes contra os dois ciclopes a minha frente ao mesmo tempo. A noite meus movimentos se tornavam mais ágeis, práticos, e de alguma forma até mesmo graciosos. Eu sentia a batalha ao meu redor, prestava atenção em cada movimento, cada passo, cada respiração... Como qualquer outra semideusa isso vinha naturalmente a mim, e eu podia praticamente sentir, embora não pudesse ver, que as garotas ao meu lado faziam o mesmo.

Poderes e Armas Utilizadas:


Poderes Passivos:

Perícia com Foice e Correntes:Todos os necromantes de Érebus tem uma grande perícia com o manejo de tais armas, podendo rapidamente usá-las em uma ofensiva quanto na defensiva.
Visão Sombria: Sua visão é perfeita em locais escuros, enxergando como se estivesse em locais claros.
Força da Escuridão: À noite ou em locais escuros, os necromantes de Érebus são mais fortes. Praticamente seus golpes aumentam 10 de dano extra.
❄ Voz Fria I: Um sussurro, uma indução sutil para convencer o alvo de algo ou provocar medo.
❄ Beleza congelante II: Bonitos e frios como a neve, os filhos de Quione poderão com sua beleza "paralisar" o inimigo por uma rodada. Isso não o impede de se defender contra ataques seus, apenas o atrasa.

Poderes Ativos:

Umbracinese intermediária: Agora você pode criar coisas de porte médio a depender de sua imaginação, manipular a escuridão dando formas a ela, teletransportar-se para locais mais afastados como de um quarteirão a outro e criar esferas negras também maiores e com taxas de dano aumentadas. Pode ser feito sem a presença de sombra, porém sem o auxilio desta gasta um pouco mais de energia.

Armas Utilizadas:
- Foice das Trevas [Feita de ferro puramente estígio nas lâminas, tem em relevo vários, minúsculos crânios de prata em seu cabo/ Tem dois gumes, no mesmo lado. Sendo o maior deles de um metro e o outro de quarenta centímetros/ Durante à noite tem um dano extra de 20 HP, pois uma aura completamente negra, envolve as lâminas/ Inquebrável] {By: Érebus}


cassie wears: Click Here music: blue jeans - lana del rey Click makeup: click here notes: Não vou fazer um post gigantesco, assim fica bonito e fofo *-* -q


Jane Alice Callaghan Pervensie
Daughter of Quione• Ice Princess • Sexy Lady • Develicous

avatar
Jane A. Pervensie
Necromantes de Érebus
Necromantes de Érebus

Mensagens : 34
Pontos : 38
Data de inscrição : 01/09/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
420/420  (420/420)
Energia:
420/420  (420/420)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Bridget Adele Pervensie em Sex Set 07, 2012 7:18 pm


But when you walked out that door, a piece of me died...

Confesso que tentei me manter acordada durante a viajem toda, entretanto eu vivia cansada e era só eu encostar minha cabeça em alguma coisa macia durante alguns minutos e já era, eu apagava, e naquela van a situação não foi diferente. Acordei, cocei meus olhos e desencostei minha cabeça do ombro de Jane, olhei para a janela do carro e pelo visto já havíamos chegado, o manto negro da noite abraçava o céu da cidade rapidamente e quando menos me dei conta já estávamos descendo do carro, em frente a uma praça, olhei para a van e vi Argos manobrando o carro e saindo dali em pouco tempo. Bocejei e me espreguicei, pensado que aquilo seria fácil, entretanto eu estava redondamente enganada, foi apenas uma questão de pouco tempo para que três ciclopes escandalosos viessem em nossa direção, ambos armados e determinados a nos capturar. Olhei para Jane e Demetria, revirei os olhos e mordi os lábios, era hora de mostrar do que eu realmente era capaz. Estendi minhas mãos em direção aos três ciclopes e me concentrei por alguns instantes, logo em seguida diversas folhas haviam sido criadas e iam com toda velocidade para cima das criaturas, mas não eram simples folhas e sim folhas navalhas, ágeis e super afiadas. Assim que Jane partiu para cima das criaturas parei de lançá-las, afinal de contas não queria acertá-la. Retirei meu anel do dedo e o segurei com força, em poucos instantes o mesmo havia se transformado em uma foice, sem pensar duas vezes corri para cima dos ciclopes. Quando estava próxima de uma das criaturas parei e encostei uma de minhas mãos no chão, não demorou muito para que a terra me compreende-se e o solo começasse a tremer, tentei fazer isso para distrair os ciclopes, assim teria mais chances de atacá-los sem sofrer muito dano. Com a foice em mãos cheguei mais perto de um dos ciclopes e comecei a golpeá-lo, sem saber se aquilo daria certo ou não. Enquanto eu fazia os movimentos ofensivos com a foice comecei a andar em círculos em torno do ciclope, utilizando toda a minha agilidade para tentar desviar de seus ataques.

Armas e Poderes Utilizados:

.: Armas :.

- Foice [Seu cabo é médio e se encaixa perfeitamente na mão do dono. Sua lâmina é feita de bronze sagrado, afiadíssima. Quando não está em sua forma de arma, é um anel em forma de serpente] {By: Deméter}

.: Poderes :.

Perícia com Foices (Nível 1) Mesmo sem nunca ter usado essa arma antes, os filhos de Deméter ao tê-las em mãos saberão como usá-la perfeitamente.

Agilidade (Nível 1) Por sempre poder correr livremente pela natureza, é necessário agilidade para desviar das coisas e até mesmo ter um pouco de sexto sentido para saber onde elas estão para poder desviar. Sendo assim, os filhos de Deméter possuem uma agilidade levemente descomunal, nunca esbarrando nas coisas.

Abalo Sísmico II (Nível 9) Ao por a mão ou pisar forte no chão, este irá tremer mais forte, chegando a causar certas rachaduras no chão e derrubando mais de um inimigo (a depender do peso)

Folhas Navalhas (Nível 12) O filho de Deméter ganha à capacidade de criar folhas e atirar contra o inimigo, essas folhas tem suas bordas extremamente afiadas, cortando facilmente e em alta velocidade quando lançadas.
... I told you I wanted more, but that's not what I had in mind


avatar
Bridget Adele Pervensie
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 12
Pontos : 10
Data de inscrição : 02/09/2012
Idade : 23

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
290/290  (290/290)
Energia:
290/290  (290/290)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Demetria H. Grimalking em Sab Set 08, 2012 8:32 am


I close my eyes and ease my troubled mind

Fazia um bom tempo que eu não ia em missão junto com as meninas, para falar a verdade, fazia um bom tempo que eu não ia em missão e confesso que aquilo começara a me perturbar um pouco, eu estava desejando tanto por aquele momento que agora eu estava com medo. Não sei se era medo do que vinha pela frente ou medo de fracassar. Wait... What? Quem é você e o que fez com a verdadeira Demetria? Eu não sinto medo, nunca senti, e essa não ia ser a primeira vez.
Balancei a minha cabeça afim de espantar aquele pensamento e olhei a minha volta na van, Bridget e Jane estavam dormindo, sorri para os dois anjinhos, ou ao menos era o que aparentava enquanto dormiam, e voltei a minha atenção para a janela da van e o borrão que se transformava a paisagem através dela. Já era fim de tarde e o Sol já se escondia, tentei calcular por quanto tempo havíamos ficado sentadas dentro de um automóvel, mas desisti assim que a van parou com um freio brusco que quase me fizera pular do acento. Mas não, ainda não haviamos chegado à São Francisco, e pelo que parecia, só íamos chegar à noite.

Eu, Bridget e Jane andava pelas ruas de São Francisco, e para ser sincera, eu não fazia idéia para onde íamos. Mas bem... Isso não demorou muito ao nos encontrarmos com alguns grandalhões.
Nós nos olhamos e automáticamente entramos em nossas posições de batalhas. Jane me olhava diferente, e eu a conhecendo como conheço sabia exatamente o que ela queria que eu fizesse. Só que não. E que os jogos comecem.

Avancei em direção ao ciclope à minha frente e àquela altura eu já tinha esquecido de tudo ao meu redor, tudo havia se transformado em um borrão e eu só conseguia enxergar uma coisa que corria em minha direção.
Apartir disso tudo aconteceu em questões de milésimos, na verdade eu não consegui nem ver direito o que acabara de acontecer, mas quando me dei conta já tinha batido o meu corpo bruscamente em direção ao chão e meu braço esquerdo doía demais. Olhei em volta e vi que as meninas lutavam, cada uma com um cíclope, e bem, o meu corria novamente em minha direção. Eu não sabia ao certo o que fazer, estava desnorteada demais para pensar em algo por causa da queda, odiava me desconcentrar em batalha, isso nunca havia acontecido. Mas aconteceu e ali estava eu caída no chão da rua, doída, enquanto um enorme cíclope idiota dava um soco em minha barriga. Gemi de dor e naquele momento a raiva me invadiu, toda a minha raiva. Meu sangue ferveu e subia a milhas para a minha cabeça e toda as dores que eu estava antes sentindo haviam simplesmente cessado, como se eu tivesse tomado uma anestesia. Aquela sim era a verdadeira Demetria, e ela estava se coçando para arrancar a cabeça de alguém... Ou melhor, de algum ciclope otário.
Sentei-me no chão e virei meu rosto para o ciclope que olhava para mim abobado, apenas sorri do modo mais diabólico e psicótico que conseguia. - Minha vez. - Falei em um tom sombrio e sexy, o que fizera o ciclope dar um passo para trás. E em questões de segundos eu me via lutando com o enorme ciclope à minha frente, e a minha breve, mas passada, recaída já havia com certeza ficado para trás. - Sabe... Você nem é tão forte quanto eu esperava, ciclope idiota. - Impliquei enquanto a lâmina da minha espada-batom chocava-se contra o corpo do monstro. E bem, pelo que parecia ele havia se “emputecido”. Tentara me golpear novamente no braços e me jogar para longe, só que não, ele não havia conseguido. Eu estava mais ágil e concentrada, e conseguia pressentir tudo o que ele fazia. Reflexo. E fácilmente me desviei do falho golpe. E do outro golpe seguido daquele. O monstro ficava cada vez mais confuso à medida que olhava para mim. Dei um passo para trás para que eu pudesse olhar diretamente em seus olhos e pisquei para ele, sem saber ao certo se aquilo realmente ia surtir efeito e ele iria ficar petrificado, aquilo iria me ajudar a ganhar tempo, caso contrário, teria que matá-lo com minhas próprias unhas, e eu já conseguia imaginar tal cena. "Mãe, me ajude." Pedi mentalmente.

Armas Usadas:
♥ Batom-Espada (Meninas) [Nele há duas tampas. Uma você abre e se transforma em uma espada de ferro e elétrica, que causa um alto dano no inimigo. E na outra tampa contém um batom, a cor pode ser escolhida pela dona] {By: Afrodite}

Poderes Usados:
♥ Dança da morte: Em batalha, o corpo fica mais flexível e ágil, podendo fazer alguns movimentos complicados, a harmonia dos passo é perfeita, formando uma dança mortal.
♥ Beleza guerreira: Em batalha os filhos de Afrodite vão ficando cada vez mais belos, um efeito que distraí e deixa confuso os inimigos.
⌘ Agilidade Corporal: A agilidade de um seguidor é melhor do que a de uma pessoa comum, conseguindo se mover mais facilmente, assim como desviar e correr melhor.
♥ Petrificar - Basta uma piscadinha, um olhar mais sexy, para o filho de Afrodite nesse nível petrificar o oponente 30 segundos (A cada 5 níveis aumenta mais 30 segundos)
demetria wears: Click Here music: awful - Nevershoutnever! Click notes: Tio Hefesto, AQUI está o link do doc c.c





Queen of Hearts
♥ Daughter of Aphrodite, follower of the muses, sexy lady, only the Logan ❞
I love you, my princess of world. Allun ♥

avatar
Demetria H. Grimalking
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 15
Pontos : 13
Data de inscrição : 03/09/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
350/350  (350/350)
Energia:
350/350  (350/350)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Melanie S. Holland em Sab Set 08, 2012 10:29 am

confidence is a must...
Cockiness is a plus, edginess is a rush edges I like them rough


O tédio me tomava e ficar por ali já não era mais uma solução, agora queria realmente voltar ao acampamento e poderia talvez inventar de assuviar por Becks e ela me levaria pelas sombras até o acampamento. Pensava seriamente em fazê-lo, no entanto, minha atenção fora chamada quando altos gritos do outro lado da praça informavam que havia semideuses por lá, maldita nevoa que não nos encobria. Respirei fundo e em um salto, peguei rapidamente o arco que havia em minhas costas e me esgueirei pelas sombras até o local de onde havia vindo o grito, poderia ser algum novato e tal precisar de ajuda. Arqueei a sobrancelha ao ver a linda cena de quatro brutamontes correndo em direção as... MINHAS MELHORES AMIGAS. Em um ato inconsciente, balancei a cabeça chocada e rapidamente mirei uma flecha de vento na cabeça do ciclope maior. O mesmo ‘atordoado’ e um tanto mongo virou-se junto aos outros que por poucos segundos tiraram a atenção que estavam nas meninas. – Pensaram mesmo que iriam se divertir sem mim? – Arqueei uma sobrancelha e permiti que uma gargalhada exultante fugisse dos meus lábios. – Acho que não... – Dei de ombros colocando novamente o arco nas costas e posicionando uma das mãos em frente ao meu corpo, os ciclopes voltaram a atacá-las, no entanto, o maior ainda me olhava com certa curiosidade. – Venha meu querido, venha. – Murmurei enquanto fechava a mão e em uma nuvem escarlate surgia um guerreiro fantasma que usava uma armadura de latão, pilos e um escudo de guerra. O mesmo me olhou e fez uma breve reverência e tudo que fiz foi um sutil gesto em direção ao ciclope maior. – Auxilie. – Sorri com soberba e tirei a adaga envenenada da bainha que ficava presa em minha coxa. Tombei a cabeça com um olhar psicopata e me aproximei do grandalhão com um sorriso mais sádico ainda nos lábios. – Quem pensa que é para atacar minhas amigas? Tem consciência do que estava fazendo, docinho? – Meus cabelos caíram um pouco sobre meu rosto, tampando boa parte do meu sorriso, no entanto, isso não me aborreceu. Primeiramente aproximava-me em passos lentos, simétricos com o do guerreiro fantasma, coisa que não durou muito. Quando dei por mim, já estava correndo em direção ao monstro com a adaga em mãos. Com um enorme porrete (like a Harry Potter) desferiu um ataque no ar, que pude desviar com facilidade. Era tão ágil, outra coisa que agradecia ao papai. Pulei nas costas do grandalhão e desferi um corte no local com toda a força que tinha em meu ser. Ele se debateu e com a mão livre jogou-me para longe, fazendo com que rolasse no chão. O fiz com maestria, tentando evitar ao máximo qualquer tipo de ferimento e em um salto já estava em pé. Levando em consideração minha exaustão por conta da missão anterior estava realmente muito bem, melhor do que imaginei que estaria. – Queridinho, isso é tudo que você pode fazer? – Perguntei enquanto dava uma breve olhada na luta das meninas, estavam se dando bem. Agora era a vez de o guerreiro fantasma ir para cima do grandalhão, mas de fato, não iria deixá-lo sem auxilio. – Tente lutar de salto alto, aí você terá meu respeito. – Ri de forma sarcástica e guardei novamente a adaga na coxa, retirando o grampo do cabelo. Agora a brincadeira iria começar, afinal, me garantia com a minha lança.

- - - - - - - - - -
marie wears: isso aqui ~ música: Prayer Of The Refugee - Rise Against(click)
notes: - ~ tagged: Beckie, Jane, Deme, Bree e papis.

Armas Levadas E Habilidades Utilizadas:
• Shield of Honour (Um escudo de bronze sagrado, ouro e adamantium semi-indestrutível. Possuí pequenos rubis em todo o seu contorno. Tem o desenho de um javali em seu centro e quando não está em uso vira um bracelete.)

• Colar do Guerreiro (Em ouro branco, possuí um pequeno pingente em forma de gota vermelha. O mesmo é banhado e feito do sangue dos guerreiros mais vitoriosos que existiram. Ao utilizar o colar, as almas dos guerreiros irão auxiliar o filho de Ares quando este estiver em batalha. Se o mesmo for perdido, depois de dois minutos retorna ao pescoço do/a dono/a.)

• Lança de Guerra (Feita de adamantium e bronze sagrado. Quando não está em uso, vira um grampo de cabelo para as meninas e um relógio para os garotos.)

• Adaga de Bronze Envenenada

• Coroa/Tiara da Magnificência (O semideus que usar essa coroa, por mais fracassado que seje, emitirá um brilho de grandeza que fará o inimigo reconhecer todas as suas qualidades. Se o inimigo for fraco, hesitará em atacar o usuário por 1 turno.)

• Arco de Vento (Disparas flechas de vento)

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

{Nível 11} Habilidade de Guerra
A capacidade de manusear todo tipo de armas com facilidade vem neste nível. É possível manusear armas de corte, armas de impacto e armas projéteis com eficácia, aumentando assim os danos causados.

{Nível 23} Guerreiro Fantasma
Algum guerreiro derrotado por Ares em batalha deve ir de encontro a seu filho, auxiliando-o, fazendo o que o mesmo desejar. É claro, dentro das possibilidades de um humano morto. O guerreiro tem 150 de HP e porta uma Armadura de Latão, um Pilos e um Escudo.

↖ Perícia com Armas Laminadas
Os filhos do deus da guerra são ótimos combatentes, além de meros sanguinários. Sua habilidade com armas se destaca com as laminadas, ver o sangue escorrer pelo corpo do oponente é sempre uma diversão pra eles. Seus ataques se mostram mais efetivos com tudo o que pode cortar neste nível.

↖ Agilidade
Os filhos do deus da guerra são extremamente ágeis desde muito cedo, assim ajudando-os a desviarem de golpes que muitos não iriam conseguir em batalha. Conforme o nível subir, mais ágeis eles ficam.

{Nível 05} Concentrar e Atacar
Esta habilidade permite que o Filho de Ares concentre poder para atacar, aumentando assim os danos produzidos. Quanto mais concentrar, mais será efetivo o ataque e mais vulnerável está a receber ataques, também.

Não necessariamente nessa ordem.




Princess of War





avatar
Melanie S. Holland
Filhos de Ares
Filhos de Ares

Mensagens : 7
Pontos : 7
Data de inscrição : 05/09/2012
Idade : 21

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
380/380  (380/380)
Energia:
380/380  (380/380)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Hefesto em Sab Set 08, 2012 11:35 pm



A escolha precipitada dos ciclopes fora algo nada inteligente de se fazer, uma vez que as semideusas não eram simples crianças que estavam ali para brincar na praça. O primeiro passo do ciclope do centro fora recebido com uma saraivada de folhas que tanto atrapalhavam a visão como cortavam estes fazendo recuar novamente enquanto o líder que ficara um pouco mais para trás em seus trajes de aramida praguejava e os intimidava a avançar. Lanças feitas de sombras passaram tinindo por dois dos monstros, e outra rasgou o flanco direito do terceiro, o fazendo liberar um grito de dor. Estavam novamente estabilizados quando as três avançaram, e o primeiro vinha junto a Jane que lançava dois golpes, tendo um desviado pelo monstro com sua clava, e o outro que lhe causou um corte na barriga o deixando ainda mais enfurecido. Este tentou um pisão à frente como intimidação para a mesma, e visto que não funcionaria, golpeou na vertical de cima para baixo para tentar o esmagamento da mesma, e então se desajeitou com um tremor de terra sequente, ao qual não o fez desviar a atenção da luta, mas pelo peso se estabilizava mais rápido que a campista, e levou um golpe ao centro do peito da mesma com a clava. O acerto não machucaria tanto, mas com certeza a derrubaria.
O segundo ciclope tinha cortes pesados em ambos os braços devido as folhas, e tinha aparência de ser um pouco mais novo, uma vez que hesitou em atacar quando as coisas cessaram, mas logo caía com as nadegas no chão pelo tremor. Antes mesmo que pudesse reagir de forma decente, a campista levava dois golpes ao mesmo, o primeiro levara apenas uma parte das roupas do mesmo, mas o segundo fora profundo em sua coxa. A voz do caolho morreu em sua garganta, mas furiosamente usou de sua lança – que mais parecia um pedaço de pau com uma faca amarrada – para golpear lateralmente o flanco esquerdo de Bridget e joga-la para um pouco mais longe. O terceiro deles usava uma espada de tamanho incomum, porem incomum por algo que não se podia ver exatamente pelas luzes baixas. Este se cortou um pouco e desviou algumas das folhas com a lamina, e golpeou Demetra com a coronha da espada jogando-a de volta para onde viera, o ciclope riu escancaradamente, mas logo teve um dos braços cortados, não muito profundamente, mas o bastante para fazer sangrar. Preparara-se para atacar novamente, mas dera de encontro com um dos poderes da filha de Aphrodite, o que o deixara estatizado, como se fosse uma estatua, até mesmo a respiração do ciclope se fora.
— IMBECIS! – esbravejava o líder, que logo percebia mais uma campista que trazia um morto vivo consigo. Tentara um golpe com sua clava de espinhos, mas falhara em acertar a moça, o guerreiro já não teve tanta sorte, mas necessitou defender-se antes de ser arremessado sobre um dos bancos. Tal devaneio em batalha custara um pouco para ele, que mesmo estando com uma roupa de alta resistência, agora tinha um rasgo do tamanho de uma palma nas costas. O ciclope agarrou Marie e a jogou para um pouco mais longe, próximo as outras campistas, e ao que ela se armou para a batalha o ciclope grunhiu e partiu para cima da mesma como se tentasse mostrar aos seus subordinados como se fazia algo. Golpeou na direção da lança visando desestabilizar essa, se não retirar das mãos da campista e em seguida levou um chute a barriga da filha de Ares para tentar derrubar a mesma. O morto vivo a essa altura já estava novamente sobre ele com um par de costelas nas mãos, mas fora outra vez repelido, mesmo que seu ataque fosse moderadamente efetivo. Um dos ossos que este carregava agora se cravava na altura do cotovelo do monstro. Fracamente, no campo de batalha, via-se algo próximo ao banco onde o soldado havia sido jogado. O item de Hefesto que causara todo esse desconforto repousava ali, brilhando em seu bronze celestial tristemente. Mas para o azar das campistas, um vulto amarronzado passara rapidamente e levara tal artefato na direção do oeste.




Ciclope 1: 110/150

Ciclope 2: 85/150

Ciclope 3: 130/150
Petrificado 2

Ciclope Lider: 100/150



♦ Postagens até segunda (10/09/2012) as 23:59
♦ Sem limites de linhas ou palavras
♦ Postem as armas e habilidades usadas
♦ O item de Hefesto foi levado. Devem terminar a luta para seguir na busca do mesmo.



Hefesto
Deus do fogo e das forjas × Preferido da Blair e da Cornellie @thanks
avatar
Hefesto
Deuses
Deuses

Mensagens : 196
Pontos : 272
Data de inscrição : 29/08/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Energia:
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Jane A. Pervensie em Dom Set 09, 2012 2:05 pm


Well, you can tell Jesus... ☠
THE BITCH IS BACK, BABY, AND SHE'S ON HER WAY TO THE PROMISE LAND!


Tudo estava indo como eu esperava. Mais ou menos. A batalha se iniciara a nosso favor, as lanças negras haviam passado muito perto de dois ciclopes e um terceiro foi atingido. Um deles veio para cima de mim e incrivelmente conseguiu defender-se do primeiro golpe da minha foice com sua clava, mas ao segundo ele não conseguiu desviar, e o mesmo o atingiu na barriga, nada fatal, apenas doloroso o suficiente para deixá-lo ainda mais irritado. Ao meu lado eu podia ouvir a voz familiar de mais alguém... Marie. Não consegui impedir um sorriso de brotar em meus lábios, essa luta ficava cada vez mais divertida...

O monstro deu um passo a frente, tentando me intimidar. Patético. Não recuei, defendendo todos os seus movimentos agilmente com a foice. O monstro então ergueu sua arma preparando-se para me esmagar, mas antes que eu tivesse tempo de pensar em uma defesa estratégica, um pequeno terremoto o fez perder o equilíbrio, não o suficiente para fazê-lo cair, mas para desestabilizar-nos, eu mais do que ele, dando-o tempo de me atingir no peito com a clava. Por sorte, não causou nenhum ferimento grave, mas me fizera cair no chão, fora do alcance de minha foice e a mercê de seus ataques.

- Você não devia ter feito isso... - minha voz fria ecoou sombriamente pelo local, enquanto eu concentrava meu poder, o olhar fixo na arma da criatura. O ciclope rugiu em fúria brandindo a arma em minha direção, mas esta saiu de seu controle, voando para longe de seus dedos e batendo repetidamente em sua própria cabeça. Telecinese. Uma técnica que eu aperfeiçoara com o tempo e agora estava quase perfeita. Sorri, enquanto o ciclope, atordoado pelos ataques de sua própria arma, não pode me impedir de esticar a mão e alcançar a foice das trevas. Dessa vez mirei em seu pescoço um ataque que seria fatal.
Poderes e Armas Utilizadas:


Poderes Passivos:

Perícia com Foice e Correntes:Todos os necromantes de Érebus tem uma grande perícia com o manejo de tais armas, podendo rapidamente usá-las em uma ofensiva quanto na defensiva.
Visão Sombria: Sua visão é perfeita em locais escuros, enxergando como se estivesse em locais claros.
Força da Escuridão: À noite ou em locais escuros, os necromantes de Érebus são mais fortes. Praticamente seus golpes aumentam 10 de dano extra.
❄ Voz Fria I: Um sussurro, uma indução sutil para convencer o alvo de algo ou provocar medo.
❄ Vigor gélido: Em lugares frios e de baixa temperaturas, os abençoados da Deusa aumentam suas habilidades de combate. Sentem-se mais saudáveis e reduz o cansaço físico, aumentando assim o vigor pra qualquer esforço físico. Além disso, esses ambientes proporcionam uma paz, uma calma.
Cura Sombria: Em locais escuros, o semideus recupera 10 HP e MP a cada rodada (tem que permanecerem no escuro)

Poderes Ativos:

Telecinese Obscura Intermediária: Capacidade de manipular e controlar objetos com a mente, podendo levitar, mover, atirar ou quebrar qualquer objeto físico(como pedras, vidro, metal, etc...). O objeto será envolvido por uma espécie de escuridão, deixando-o negro enquanto em seu comando. Neste level os movimentos serão quase velozes. Terá uma certa dificuldade com objetos pesados.
Armas Utilizadas:
- Foice das Trevas [Feita de ferro puramente estígio nas lâminas, tem em relevo vários, minúsculos crânios de prata em seu cabo/ Tem dois gumes, no mesmo lado. Sendo o maior deles de um metro e o outro de quarenta centímetros/ Durante à noite tem um dano extra de 20 HP, pois uma aura completamente negra, envolve as lâminas/ Inquebrável] {By: Érebus}


Jane wears: Click Here music: fighter - Christina AguileraClick makeup: click here notes: Nada a declarar


Última edição por Jane A. Pervensie em Ter Set 11, 2012 2:15 pm, editado 2 vez(es)


Jane Alice Callaghan Pervensie
Daughter of Quione• Ice Princess • Sexy Lady • Develicous

avatar
Jane A. Pervensie
Necromantes de Érebus
Necromantes de Érebus

Mensagens : 34
Pontos : 38
Data de inscrição : 01/09/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
420/420  (420/420)
Energia:
420/420  (420/420)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Bridget Adele Pervensie em Dom Set 09, 2012 7:37 pm


But when you walked out that door, a piece of me died...

Eu consegui ser ágil e rápida na realização dos meus ataques, dando um grande dano no ciclope, eu poderia até comemorar por isso, mas foi só dar um descuido por um instante que a criatura conseguiu me golpear – de raspão – com sua arma, fazendo com que eu fosse parar um pouco longe. Olhei para as meninas e logo em seguida voltei o meu olhar aos quatro ciclopes, um deles ainda estava lutando com alguém, à escuridão atrapalhava minha visão, mas pela voz percebi na hora de quem se tratava, Marie. Soltei um risinho e peguei minha foice, concentrei-me no segundo ciclope, entretanto o brilho de um certo objeto roubou toda a minha atenção, seria aquele o objeto que Hefesto havia perdido? Pensei em ir correndo pegá-lo, mas alguém foi mais rápido do que eu, eu não sei o que era exatamente, só pude enxergar um vulto passar e levá-lo embora. Joguei os cabelos para trás e mais uma vez fiquei frente a frente com ciclope que estava lutando, seus braços estavam com diversos cortes causados pelas minhas folhas e o mesmo demonstrava grande fúria. – Vamos lá grandalhão, vamos ver se é pariu para a natureza – Falei isso enquanto levei uma de minhas mãos no chão e comecei a criar arvores de médio porte, as mesmas cresciam em volta do ciclope, e a medida que iam ganhando seu tamanho mediano iam também se enroscando – ou tentando – na criatura. Assim que terminei de criar minhas queridas plantinhas me aproximei mais do ciclope e estendi minha mão em direção a ele – Garotas, isso aqui vai ficar meio desconfortável, menos para você Jane – Falei alto, se fossem espertas já saberiam do que eu estava falando, comecei a me concentrar e a controlar a energia térmica daquele lugar, diminuindo-a, deixando o local bastante frio, queria ver aquele ciclope a ponto de ficar paralisado, sem mover um músculo sequer, apenas tremendo. Claro que aquilo não me afetava, tudo graças a evolução adaptativa. Assim que terminei de manipular a energia fui para cima do gigante mais uma vez, desta vez não queria realizar golpes de raspão e sim cortes mais profundos, por isso a cada golpe que eu realizava, eu fazia questão de acrescentar bastante força aos mesmos. Por fim me afastei, fiquei afastada do ciclope a aproximadamente um metro de distancia enquanto me concentrava para criar um dardo de espinho, levava um pouco tempo, mas assim que o mesmo foi criado o lancei em direção ao coração do ciclope, afastando-me um pouco mais dele logo em seguida.

Armas e Poderes Utilizados:

.: Armas :.

- Foice [Seu cabo é médio e se encaixa perfeitamente na mão do dono. Sua lâmina é feita de bronze sagrado, afiadíssima. Quando não está em sua forma de arma, é um anel em forma de serpente] {By: Deméter}

.: Poderes :.

Habilidade com Foices. (Nível 8 ) Não basta apenas saber usar as foices, ao atingir esse nível poderá fazer manobras com a foice se tornando o mestre no assunto.

Agilidade (Nível 1) Por sempre poder correr livremente pela natureza, é necessário agilidade para desviar das coisas e até mesmo ter um pouco de sexto sentido para saber onde elas estão para poder desviar. Sendo assim, os filhos de Deméter possuem uma agilidade levemente descomunal, nunca esbarrando nas coisas.

Evolução adaptativa (Nível 18) Com isso, os filhos da deusa poderão se adaptar a qualquer lugar em que esteja. Dentro da água irão criar guelras o corpo consumir menos água quando se está no deserto, aumentar a quantidade de pelos formando para diminuir a perda de calor quando se está em ambientes frios. E assim por diante.

Fitocinese intermediária. (Níevel 6) Um pouco mais hábil nesse assunto, poderá criar até mesmo árvores, mas não as que atingem grandes alturas. Agora já há frutas em sua criação e a quantidade aumenta. A constrição pode atingir até a cintura e prender o adversário por até quatro rodadas, a depender de seu tamanho. Poderá controlar a vegetação já existente, fazendo crescer coisas e controlando árvores, porém não as de grande porte.

Espinhos (Nível 8 ) Os espinhos surgiram de sua mão basicamente. Poderá ser feitos vários espinhos e serem lançados contra o inimigo ou então forma um espinho grande e ser usado como um dardo. É bastante resistente e quebra dificilmente, o espinho maior leva mais tempo de ser criado e este surgirá do centro de sua palma.

Manipulação de Energia Térmica I (Nível 5) A manipulação de energia térmica está ligada a temperatura do ambiente. Nessa fase, poderá apenas resfriar o local, deixando-o bastante frio.
... I told you I wanted more, but that's not what I had in mind


avatar
Bridget Adele Pervensie
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 12
Pontos : 10
Data de inscrição : 02/09/2012
Idade : 23

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
290/290  (290/290)
Energia:
290/290  (290/290)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Demetria H. Grimalking em Ter Set 11, 2012 1:59 pm


I close my eyes and ease my troubled mind

Um sorrisinho psicopata brotou em meus lábios ao ver que o poder havia dado certo. Agora ele não tinha para onde correr, estava petrificado e qualquer golpe que fosse que eu fizesse entre um minuto ele ia simplesmente se desintegrar. “Obrigada, mãe” agradeci mentalmente. Meu corpo estava doendo, deveria ser o modo que eu cai no chão que me fizera ficar assim. Meu braço sangrava e toda a região estava vermelha e dolorida. Cíclope idiota.
Olhei em volta para ver o desempenho das garotas e o meu sorriso só fez aumentar a cada segundo mais. Alí estava a minha melhor amiga, junto de um morto-vivo, lutando contra um dos cíclopes. Minha vontade era de correr até ela e a abraçar forte, fazia tempo que não a via e estava com saudade, pois a mesma estava sempre indo em missão e quando parava quieta no acampamento quem saia em missão era eu. Nunca tínhamos um tempo apenas para nós duas e isso me fazia muita falta. Porém, eu tinha uma batalha para terminar e nada ia me desconcentrar agora.
Ao menos era isso o que eu pensava. Logo tudo ficara mais frio, e eu já disse o quanto eu odeio sair despreparada para lugares frios? Pois é. Eu estava tão perdida em meus pensamentos que nem percebera que Bridget havia avisado que o clima ia ficar meio desconfortável, menos é claro para a Jane. - Fala sério. - murmurei, revirando os olhos e em seguida dando de ombros. Sem pensar duas vezes mudei minha roupa. De short para uma calça jeans, a camisa também mudara para uma do Kiss, ao invés de um colete agora era um casaco preto de mangas com tachas, e os acessórios e o sapato eram os mesmo.
Empunhei novamente minha espada, dessa vez segurando-a com as duas mãos enquanto brincava com a lâmina da mesma passando-a levemente pelo corpo petrificado do cíclope e vendo o mesmo causar algumas pequenas rachaduras. Sorri e sem mais delongas investi contra ele, cravando a espada no mesmo, logo em seguida passando sua lâmina por sua garganta. É, esses monstros tem que aprender que não se deve nunca, jamais, em hipótese alguma irritar uma filha de Afrodite.

Armas Usadas:
♥ Batom-Espada (Meninas) [Nele há duas tampas. Uma você abre e se transforma em uma espada de ferro e elétrica, que causa um alto dano no inimigo. E na outra tampa contém um batom, a cor pode ser escolhida pela dona] {By: Afrodite}

Poderes Usados:
♥ Troca de vestiário: Você pode mudar a sua roupa para a qual quiser com apenas o desejo disso. Isso também serve para mudar para uma armadura que você tenha no inventário, apenas armadura, nada de acessórios ou armas. PS: não fica pelado nem nada.
demetria wears: Click Here music: awful - Nevershoutnever! Click notes: que lixo x.x, sorry, but não to podendo entrar no pc com frequência em dia de semana.





Queen of Hearts
♥ Daughter of Aphrodite, follower of the muses, sexy lady, only the Logan ❞
I love you, my princess of world. Allun ♥

avatar
Demetria H. Grimalking
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 15
Pontos : 13
Data de inscrição : 03/09/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
350/350  (350/350)
Energia:
350/350  (350/350)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Hefesto em Ter Set 11, 2012 8:41 pm



Ciclopes não eram lá grande desafio para as meninas, uma vez que Marie não demorara a degolar seu oponente que era atrapalhado pelo soldado morto vivo. Visto que suas amigas não precisavam de ajuda, apenas guardou suas armas num suspiro um tanto preocupado, e num “Nos vemos mais tarde”, saiu de novo em busca do seu cão infernal que estava a rondar em algum lugar por ali.
Jane fora derrubada pelo ciclope que pensava ter a luta ganha uma vez que a arma da mesma fora afastada, e um golpe um tanto desengonçado fora desferido contra o peito da mesma. Aquilo poderia não ter tido força total, mas doeria com certeza, a telecinese era então usada fazendo o monstro largar a arma que lhe acertara na cabeça e os dedos do mesmo tentavam proteger o crânio, e a distração perfeita estava feita, e não levou mais do que alguns segundos para a cabeça do ciclope voar na direção do pé de Demetra sujando o sapato da mesma com sangue antes de se desfazer em pó.
Bridget brincara um pouco com o clima fazendo os ciclopes restantes tremerem um pouco, privara os movimentos do mesmo com sua fitocinese, e em seguindos tudo o que havia era um amontoado de pó, onde antes havia um ciclope a ser esquartejado, e atingido por um espinho do tamanho de uma ratazana. As luzes começavam a piscar enfraquecidas e um vento forte se iniciava para as três deixando a temperatura ainda mais incomoda, mas Demetra não demorara a arrumar-se em agasalhos. O ciclope que a mesma estava a lutar agora estava petrificado, mas começara a se soltar. Antes que pudesse, a moça cravou a espada no centro do peito do mesmo, o que lhe trazia um pouco mais de sujeira nas roupas, e como sua amiga, esta ceifava a cabeça do monstro terminando aquela luta.
Os ventos só faziam piorar, e Bridget relatou as irmãs do vulto que se lançara para longe com algo que ela não tinha certeza do que era. Ainda não tinham ideia do que ir atrás ou onde estava, mas agora precisavam se decidir. As luzes terminavam por se apagar de vez naquele lugar, e o vento piorava um pouco e arrancava algumas folhas e galhos menores das arvores. Precisavam sair dali, e ainda mais. Encontrar o objeto perdido antes que fosse tarde. Uma pena voava na direção oposta ao que o vulto havia passado. Talvez uma pista, ou apenas uma armadilha, ou ainda, nada de mais...





Bridget
HP: 250/270
MP: 210/270

Jane
HP: 275/290
MP: 240/290

Demetra
HP: 300/330
MP: 300/330

Marie
HP: 340/340
MP: 320/340





♦ 48 horas para postagem.
♦ Sem limites de linhas ou palavras
♦ Postem as armas e habilidades usadas
♦ Devem citar a decisão tomada entre as três e encontrar um meio de se locomover.
♦ A rua está escura e quase não tem mais pessoas circulando.



Hefesto
Deus do fogo e das forjas × Preferido da Blair e da Cornellie @thanks
avatar
Hefesto
Deuses
Deuses

Mensagens : 196
Pontos : 272
Data de inscrição : 29/08/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Energia:
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Hefesto em Seg Set 17, 2012 8:23 pm

MIssão paralizada até segunda ordem devido a problemas em off das players.

Att.


Hefesto
Deus do fogo e das forjas × Preferido da Blair e da Cornellie @thanks
avatar
Hefesto
Deuses
Deuses

Mensagens : 196
Pontos : 272
Data de inscrição : 29/08/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Energia:
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Jane A. Pervensie em Ter Set 18, 2012 12:35 pm


Well, you can tell Jesus... ☠
THE BITCH IS BACK, BABY, AND SHE'S ON HER WAY TO THE PROMISE LAND!

Ouvi atentamente o que Bree falava a respeito do ladrão do objeto que procurávamos. Pó e sangue dos ciclopes se espalhavam a nosso redor anunciando o término da nossa primeira batalha nessa missão - Droga! Esses idiotas nos fizeram perder tempo... - Amaldiçoei a mim mesma mentalmente por ter demorado tanto a derrotá-los - Para aonde ele foi? - Perguntei a Bridget que indicou com a cabeça o oeste. Apertei meus dedos fortemente ao redor do cabo da foice das trevas e juntamente as demais garotas, rumei a direção indicada.

A noite estava linda, e a cidade, um pouco vazia até demais (não que isso fosse ruim) estava praticamente toda apagada. Eu podia praticamente sentir as trevas noturnas do ambiente em que me encontrava, me curando, tornando-me mais forte as poucos, como se preparasse-me para as batalhas que se seguiriam. Segui com passos silenciosos, que eram praticamente impossíveis de se ouvir... Se queríamos perseguir um ladrão sorrateiro, teríamos que ser como ele, silenciosas, rápidas e ágeis para passarmos despercebidas. Não que eu não gostasse de uma luta, é só que tinha um péssimo pressentimento de quem quer que fosse que roubara o artefato perdido, não estava sozinho.

Poderes Usados:
Cura Sombria: Em locais escuros, o semideus recupera 10 HP e MP a cada rodada (tem que permanecerem no escuro)


Jane wears: Click Here music: blue jeans - lana del rey Click makeup: click here notes: Desculpa a demora, sério, problemas off... Vou tentar postar mais frequentemente a partir de agora, mas vcs podiam me dar uma ajudinha já que não tem ordem de postagem e postarem antes de mim de vez em quando né? aoskaoskoa


Jane Alice Callaghan Pervensie
Daughter of Quione• Ice Princess • Sexy Lady • Develicous

avatar
Jane A. Pervensie
Necromantes de Érebus
Necromantes de Érebus

Mensagens : 34
Pontos : 38
Data de inscrição : 01/09/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
420/420  (420/420)
Energia:
420/420  (420/420)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Bridget Adele Pervensie em Ter Set 18, 2012 7:56 pm


But when you walked out that door, a piece of me died...

Pó e sangue foram às únicas coisas que restaram dos ciclopes assim que havíamos acabado com eles. Olhei ao meu redor e vi Marie despedindo-se de nós e seguindo seu rumo para sabe lá onde. Guardei minhas armas e me dirigi até algumas árvores próximas ali, alisei meu quadril levemente e percebi que o mesmo doía um pouco devido a pancada que o ciclope havia me dado, se eu não agisse logo aquilo poderia se tornar um problema mais para frente. Encostei a palma de minhas mãos nas arvores e suguei uma parcela de vida das mesmas enquanto sentia de pouco a pouco a dor no meu quadril sumir. Terminei de me curar e logo meu olhar se direcionou a um vulto que se dirigia ao oeste, olhei curiosa para o mesmo enquanto o vento do local ficava forte e as luzes dos postes se apagavam por completo – Garotas, tenho a ligeira impressão que devemos ir por ali – Analisei o caminho por alguns instantes, mas logo voltei minha atenção para Jane e Demetria, encarando as mesmas com uma expressão duvidosa. Do lado oposto conseguimos ver uma pena caindo no solo, estranho, nenhuma ave voava no local naquele momento, será que aquilo poderia ser algum sinal de onde deveríamos ir? Por onde vamos agora? Era a única pergunta que eu tinha em mente no momento, mas parece que Jane havia se decidido rapidamente por onde ir, provavelmente ela nem pensara nas consequências, mas que se dane, a única coisa que estava em jogo era nossas vidas néh –qq. Seguimos em direção ao oeste o mais depressa possível

Armas e Poderes Utilizados:

.: Poderes :.

Cura Natural (Nível 3) Ao estar na natureza, esta irá se preocupar com cada filho de Deméter e este quando ferido irá receber da própria natureza parte de sua energia. Para curar-se, basta tocar algo como um tronco de uma árvore, cair sobre o campo e coisas parecidas. Lembre-se, você irá sugar metade da vida dos seres da floresta, caso sugue demais poderá causar a morte deles.

OFF: Ficou ó, uma bosta!
... I told you I wanted more, but that's not what I had in mind
avatar
Bridget Adele Pervensie
Mentalista de Psiquê
Mentalista de Psiquê

Mensagens : 12
Pontos : 10
Data de inscrição : 02/09/2012
Idade : 23

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
290/290  (290/290)
Energia:
290/290  (290/290)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Hefesto em Dom Set 23, 2012 9:50 am

Por motivos de força maior e acordo entre a maioria dos players, a missão é dada como encerrada.
ATUALIZADA!
xp: 200
dracmas: 300
Obs.: Recompensa reduzida.


Hefesto
Deus do fogo e das forjas × Preferido da Blair e da Cornellie @thanks
avatar
Hefesto
Deuses
Deuses

Mensagens : 196
Pontos : 272
Data de inscrição : 29/08/2012

Ficha "Meio-Sangue"
Vida :
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Energia:
9223372036854775807/9223372036854775807  (9223372036854775807/9223372036854775807)
Arsenal :

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MIssão Jane, Bridget e Demetria. — Confusão que chama a perdição.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum